domingo, 24 de janeiro de 2010

POESIA PREMIADA EM 2010 – CANTO AO CEARÁ


XII Prêmio Ideal Clube de Literatura

Poesia selecionada para coletânea do XII Prêmio Ideal Clube de Literatura. Obra lançada no dia 21 de janeiro de 2010. Seu título é: CANTO AO CEARÁ.

Poesia que escrevi para minha terra natal, embora seja da opinião que todo cidadão é cidadão do mundo. As relações de cada um com o planeta é formada por ondas concêntricas, que formam um todo. Primeiro a casa em que se morou, depois o bairro, a cidade, o Estado, o País, O Continente, o Planeta... Sem nenhum excluir a importância do outro. Cada local tem a sua devida importância subjetiva e objetivamente igual importância. Tentei unir o pensamento moderno do poeta com o estilo de cordel numa lingugem clássica.

Gonçalves Dias em sua “Canção de Exílio”, através de sua terra, homenageou o Brasil. Camões, com “Os Lusíadas”, cantou todas as conquistas dos portugueses. Homero com a “Ilíada” eternizou a história do povo grego.

Depois de muitas andanças pelo Estado do Ceará e continuo peregrinando, escrevi um canto ao meu Estado natal. Inspirado, sobretudo, pela cultura e pelas paisagens. Se gostar divulgue. Se quiser e puder, comente! Que os que não forem cearenses consigam ver o Ceará pela lente da minha poesia, os que forem cearenses, caso não gostem, minhas desculpas. Boa leitura e espero agradar:


Não sou amigo de Homero
Nem sou parente de Dante
Licença, pois vou adiante
Com nada me desespero
Virgílio me inspira, eu quero
Apoio me dá Camões
Vieira com os seus sermões
E a força de Patativa
Vem Cego Aderaldo e ativa
Razão, sentir, emoções

Com todas as forças penso
Minha mente um reboliço
Protege-me Padim Ciço
Benção de Beato Lourenço
Meu pensar fica então denso
Avisto Frei Damião
Ibiapina dá-me a mão
Enfrento universo inteiro
Ao meu lado Conselheiro
Dos deuses a proteção

Das páginas da Iracema
As brisas da inspiração
E da Normalista, então
O real invade o tema
E de Galeno o Poema
De Raquel a força bruta
Do Quinze que o país enluta
Reforcem minha criação
Fogo à imaginação
Que brote poesia astuta

Paisagem bela e lunar
Na praia de Morro Branco
Vou-lhe confessar sou franco
Jericoacora não há
Igual éden, duna e mar
Serras de Baturité
E de Araripe da fé
Chapada da Ibiapaba
No alto o Ceará se acaba
Ao infinito onde der!

Corre o Rio Jaguaribe
Atravessando o sertão
Em tempos de sequidão
Artéria que não se inibe
Produz riqueza e PIB
Ao norte o Acaraú
Com o Rio Coreaú
São construtores da vida
Às suas margens o homem lida
Irrigando o solo nu

Tem a gruta de Ubajara
Os casarões de Icó
Crato, florestas que só
As dunas que o vento apara
Seco sim, mas não Saara
Lugares dos mais insólitos
Tem Quixadá dos monólitos
Tem mar, serra e sertão
Mulheres belas que são
Senhoras de homens acólitos

Ceará de sol intenso
Nas praias bronzeador
Carrasco no interior
Pai da seca e calor denso
Do sertão sem fim, imenso
Pátria do mandacaru
Banha-o a bica do Ipu
Tem único e ímpar luar
Carnaubais a dançar
Sob céu sem igual azul

Ceará doce Ceará
Do corajoso vaqueiro
Da praia do jangadeiro
Do artesão, renda e cantar
De repentistas a criar
De grandes compositores
Paraíso de escritores
Tapioca e rapadura
Que leva o turista à loucura
Com seu povo, o belo e cores...

Mesmo o cidadão que emigra
Pro Norte ou Sul do país
Kafka eterno infeliz
A distância causa intriga
Mesmo a miséria inimiga
Não o separa da terra
Que seu alicerce encerra
Sempre sonhando voltar
Com vida ou pra se enterrar
Nada atrapalha ou emperra

Tão grande amor instintivo
Não há maior sentimento
O voltar melhor momento
O partir fá-lo inativo
E da saudade cativo...
No Ceará o forasteiro
Seja rico ou sem dinheiro
Que resolve nele morar
Atesta no paraíso estar
O melhor do mundo inteiro!

30 comentários:

POESIAS &; CRÔNICAS disse...

Meu caro poeta Valdecy, uma poesia sem igual; singular. Magistal poetar meu caro, parabéns por representar tão bem esse nosso torrão tão querido. Valeu poeta...

POESIAS &; CRÔNICAS disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
POETA DOS POETAS disse...

poesia a flor da pele , parabens

janinha disse...

Brilhante, postarei no meu blog cultura no Cariri e divulgarei seus trabalhos!

janinha disse...

divulgarei essa brilhante poesia no cultura no Cariri, com a sua licença!
Grata!

janinha disse...

potarei essa brilhante poesia no cultura no Cariri, divulgarei seus trabalhos sempre por lá!
Grata!

Maria Zélia Gomes disse...

Olá Valdecy, obrigada por me dar a conhecer, ainda que virtualmente, o seu Ceará que não conheço, embora tenha pena, até porque nunca saí de Portugal para ir até ao Brasil!
Achei muito singular a sua Poesia e tenho que lhe agradecer o facto de me dar a possibilidade de, me imaginar à beira dessas dunas e dos rios cujos nomes não consegui fixar!
PARABÉNS ... gostei do que li!
Adorei!
Um abraço amigo desta portuga velhota
Maria Zélia Gomes

Oswaldo Antônio Begiato disse...

Obrigado caríssimo poeta pela gentil visita ao meu blog. Devo dizer que é apenas um pequenino espaço que mantenho para publicar poesias miúdas que faço ao acaso.
Estou aqui retribuindo, e ao mesmo tempo me encantando com este teu multifacetado e dedicado à cultura.
Belíssima Poesia. Belíssimo documentário. És um artista extraordinário.
Parabéns.
Abraços.w

1ª Feira Literária de Boqueirão - FLIBO disse...

Caro Poeta Valdecy,

Parabéns pelo prêmio, bem mais que merecido.
E obrigada por visitar e reconhecer o nosso trabalho na ABES.
Abraços,
Mirtes Waleska Sulpino

Ivana Marisa Altafin disse...

Oi Valdecy,
Lindo poema, linda homenagem ao Estado do Ceará, sua terra natal. Obrigado pelas palavras tão gentis que você deixou no meu blog. Foi um grande elogio vindo de uma pessoa tão importante quanto você, com uma com vários trabahos significativos no seu curriculum, obrigada de coração. Eu poderia publicar essa poesia no meu blog? Um abraço!

Deliane Leite disse...

Olá Valdecy,

Prazer me chamo Deliane. Sou poeta, professora e artista...
Amei o poema... Sou filha de Cearense e me agrada muito ver um texto poético tão bem escrito e que homenageie a cultura cearense com traços tão universais. O local e universal estão na obra do poeta ligado ao seu tempo, que canta sua terra... Parabéns!!!

Convido-o a conhecer meu blog!!!
Vamos fazer deste espaço um troca enrriquecedora. Sinta-se a vontade para comentar meus texto!

Um grande abraço poético do cerrado!!!

Deliane Leite

http://geografiadodesejo.blogspot.com/

VOOS DA ALMA disse...

Parabéns , poeta Valdecy. Um belo épico com sotaque nordestino. Excelente o seu blog também. Peço , se possível, que divulgue o drama dantesco vivido pelo poeta, sociológico e produtor musical paulista Roberto Piva para eventual ajuda dos leitores de seu blog.
Andréia de Oliveira - Blog Voos da Alma
http://literaturaclandestina.blogspot.com/2010/01/sos-piva-urgente_25.html
http://zonabranca.blog.uol.com.br/
http://voosdaalma.blogspot.com/2010/01/ajuda-ao-poeta-roberto-piva.html

Elaine Crespo disse...

Parabéns pelo Prêmio!

Grata pela visita!:D

Um belo dia!!

Beijos
Elaine

Mara disse...

Eu não poderia deixar de parabenizá-lo também aqui neste espaço, onde reina a democracia virtual, as vezes muito mais real do que a vivida distante das telas dos pcs. Prêmio mais do que merecido, sua poesia é belíssima, assim como o nosso povo, a nossa terra a nossa essência! Vc teve a maestria e sensibilidade para transformar nossa vida em arte. Parabéns por mais essa conquista e por tudo de bom que nos faz.
Felicidades.

MARQUINHOS POESIA disse...

BRAVISSIMO

MARQUINHOS POESIA disse...

BRAVISSIMO

Severino disse...

Poeta, já estou seguindo seu blog e, ao visitar esta boa terra por este ano, quero encontrá-lo pessoalmente. Não estou tão atuasalizado quanto você! Abraço.

Carlos Rímolo disse...

Caro colega poeta Valdecy!
Perdoa-me a invasão, mas como também é amigo da Clau, resolvi dar uma passadinha por aqui e visitá-lo. Seu Blog é lindo com um conteúdo maravilhoso.
Quanto à sua poesia" Canto ao Ceará" dispensa comentários, espetacular. Sua página demanda um pouco de tempo para se deliciar lendo, pois é bem rica em todos os aspectos.
Se quiser visitar um velho poeta de Sonetos simples e rimas pobres, mas que escreve com a alma, sentir-me-ei honrado. Meu Blog: carlosrimolo.blogspot.com
Um abração poético!!!

POETA CIGANO. !!!!!!!!!!!

eduardo roseira disse...

Caro Poeta, obrigado pelo comentário deixado no meu blog, ecosdomeupatio.blogspot.com.Acedi ao seu convite e cá estou a visitar o seu MAGNÍFICO blog, voltarei mais vezes.
Abraço forte, cá desta banda do Atlântico.

eduardo roseira

Josselene Marques disse...

Que lindo, meu amigo!!!
Quanta cultura em um único texto.
Parabéns!
Minha mãe é cearense de Reriutaba. Quando eu lhe mostrei o seu escrito, ela ficou encantada.

Cordial abraço.

REGGINA MOON disse...

Valdecy,

Realmente muito lindo o poema!!Meus Parabéns....

Gostei do seu Blog, voltarei mais vezes, há muito o que se ler por aqui...

Abraços,

Reggina Moon

Anônimo disse...

Parabéns!!! sua poesia é uma riqueza de tudo que o nosso Ceará tem e ganhando mais um autor sábio para nossa historia.
Pois isso que sou sua fã.
PARABÉNS!!! Irei divulgar essa riqueza com meus alunos e colegas de trabalho.
Dulcimeire

Erica Ferro disse...

Primeiro, quero agradecer pela visita que me fizeste.
Segundo, parabenizar por essa maravilhosa poesia.

Um abraço.

Dalinha Catunda disse...

Olá Valdecy,
Parabéns pelo merecido prêmio.
Parabéns pelo poema que retrata tão bem nosso rico Ceará.
Obrigada por passar em meu blog, dando-me oportunidade de conhecer também seu espaço.
Gostei e voltarei.
Um abraço,
Dalinha

Anônimo disse...

Meu caro amigo e poeta Valdecy, adorei sua poesia,parabéns pelo prêmio!!!

a essência da vida disse...

Obrigado caríssimo poeta Valdecy!
pela gentil visita ao meu blogs
Devo dizer que é apenas um pequenino espaço
que mantenho para publicar poesias! e outros artigos,
E que faço isso ao acaso. Para passar o meu tempo,
quando estou de folga.
Estou aqui retribuindo, e ao mesmo tempo
encantando com este teu Maravilhoso trabalho!
dedicado à cultura.
Belíssima Poesia. Homenagiando a minha terra natal
Belíssimo documentário.
És um artista extraordinário.
Parabéns.
Há Valdcy fiz uma postagem no meu blogs,
com a sua poesia! e tambem adicionei o seu link
na minha pagina ok, Quando poder fasça uma visita!
e vejá como ficou. Um Abraço que Deus te Ilumine sempre!!!

Tio ITA disse...

Amigo Valdecy, Desculpe pela demora em responder ao seu amável comentário; são os contratempos que o tempo nos remete. Sua poesia é brilhante, inteligente e muito bem construída. Merece ser mais premiada. Com toda certeza, divulgarei, já que tenho seu aval. Sou filho de nordestinos (de Sergipe) e adoro os cordéis e tudo que é pertinente àquele povo sofrido, porém valente. Parabéns e muito obrigado pela sua visita honrosa ao meu blog. DEUS te ilumine sempre. Um abraço do amigo Ita.

Cíntia Thomé, Jornalista, Poeta . disse...

Aplausos contínuos...
O Ceará mereceu!

abs

Tio ITA disse...

Caro poeta Valdecy: Retornou-me uma mensagem dando conta de que sua conta do blogger, onde postei um comentário, encontra-se desativada; estou investindo em uma nova tentativa de fazer contato.Caso a msg se repita, o óbvio é desistir, lamentando, no entanto, pois sua poesia é única, seu blog é bem elaborado e de conteúdo ricamente cultural. Que DEUS abençoe sua mente para que ela continue nos premiando com essas pérolas que você nos oferta. Seja feliz, um abraço do Ita.

Anônimo disse...

Parabéns pelo premio.
Vou post no meu blog.

Related Posts with Thumbnails