sábado, 7 de maio de 2011

OCARA - CEARÁ - O PREFEITO PRATICA TANTAS ILEGALIDADES - QUE VAI ACABAR VIRANDO CASO DE POLÍCIA!



Servidores em Assembléia  em Ocara - Revolta - Indignação

Ocara é um pequeno Município do interior do Ceará, a cerca de 100 km de Fortaleza, com aproximadamente 25.000 habitantes, com orçamento anual em torno de  R$ 29 milhões de reais, com 17.000 eleitores, 97º  PIB do Estado do Ceará,  porém o 157 IDH  (Índice de Desenvolvimento Humano) do Estado, entre os piores (Fonte dos dados: Anuário do Ceará 2010/2011 – editora O Povo). Ocara quer dizer terraço da aldeia em língua Tupi-guarani. Só que os índios há muito foram exterminados, de verde só existe a monocultura do caju, a riqueza só para alguns, os direitos humanos são piadas e os servidores públicos são escravizados. A GESTÃO ATUAL AGE COMO DITADURA, DESSAS PARECIDAS COM AS DO MUNDO ÁRABE!


Palestra Motivadora - Magui - Na abertura da Assembléia do SINDSEP - 06/05/2011

Dona Helena - Presidenta do SINDSEP - Perseguida  - Abertura da Assembléia
Algumas denúncias levantadas na assembléia dos servidores municipais, convocada pelo Sindicato dos Servidores Municipais de Ocara – SINDSEP, NO ÚLTIMO 06/05/2011:

- O Instituto de Previdência Municipal, tem um rombo de R$ 20 milhões de reais (http://www1.previdencia.gov.br/sps/app/draa/draa_mostra.asp?tipo=1&codigo=15740&hddCNPJEnte=12459616000104&AnoProjetoLDO=2009 );

- Professores com jornada de 20 horas semanais, nível médio, ganhando abaixo do salário mínimo;
- Professores com nível médio, jornada de 40 horas, ganham abaixo do piso pirata do MEC, estimado em R$ 1.187,00, QUANDO DEVERIAM GANHAR NO MÍNIMO R$ 1.597,00;

- O pagamento do anuênio de parte  dos servidores da Saúde está sofrendo uma fraude trabalhista;

- O prefeito não presta contas do FUNDEB;

- Agora tenta tirar o salário da Presidenta do Sindicato, salário é alimento, salário é vida, que condenar a presidente à miséria e à fome, utilizando uma decisão da Justiça do Trabalho, cuja CLT só se aplica em parte, quanto a liberar  dirigentes, pois o direito ao salário está previsto na Lei Orgânica Municipal e no Regime Jurídico Único. Se o prefeito utilizar a CLT para retirar salário da presidenta Dona Helena, ENTÃO CONFESSA QUE O MUNICÍPIO É CELETISTA, assim poderá ser cobrado FGTS para todos os servidores e extinguir o regime próprio de previdência, que só pode existir onde os servidores não são celetistas.


Advogado Convidado pelo SINDSEP - falando sobre o piso e o IPMO

Assembléia
Haverá uma assembléia, em breve, só para deliberar sobre o que fazer, SOBRETUDO QUANTO AO PISO DOS PROFESSORES E À PERSEGUIÇÃO À PRESIDENTA,  não se descartando a possibilidade de entrar em greve por tempo indeterminado, pois o prefeito não respeita lei, viola direitos básicos dos servidores, persegue o sindicato e sua presidenta. JÁ FOI ABERTO UM INQUÉRITO CIVIL PÚBLICO JUNTO AO MINISTÉRIO PÚBLICO FEDERAL, DESSE JEITO A ATUAL GESTÃO DE OCARA VAI-SE TORNAR CASO DE POLÍCIA.


Carmem - Representante da FETAMCE

Nenhum comentário:

Related Posts with Thumbnails