segunda-feira, 22 de outubro de 2012

DÓLMENS DAS PEDRAS GRANDES - A MISTERIOSA PEDRA MONTADA DE SENADOR POMPEU - SERTÃO DO CEARÁ DOS MEGÁLITOS ENCANTADOS - VEJA DOCUMENTÁRIO - FOTOS E LEIA SOBRE O TEMA!


Dólmens solitários no meio do mágico sertão central - Pedras Grandes - Senador Pompeu (CE)
O mistério paira no ar - mas a resposta está escrita no céu no branco das nuvens
(Fotos Valdecy Alves e Mara Paula - Se copiar cite a fonte)

 Os dólmens de Senador Pompeu, Sertão do Ceará, Brasil, sem dúvida que se tratam de criação humana. Do mesmo povo que escreveu os letreiros nos Inhamuns, os desenhos no Encantado, que esculpiu símbolos em rochas em Quixeramobim  e criou todo um sítio histórico ao longo do mágico Sertão Central. NA MINHA SEGUNDA VISITA AO LOCAL, ALÉM DAS INFORMAÇÕES, TRAGO MUITAS FOTOS PARA COMPARTILHAR COM VOCÊS, CONTEMPLARMOS, FICARMOS ENCANTADOS COM AS MARAVILHAS DO NOSSO MÁGICO E ENCANTADO SERTÃO.

Veja o documentário abaixo, que mostra os megálitos espetaculares e todo o seu entorno, basta clicar no meio da imagem::



Abaixo mais fotos e textos que podem satisfazer sua curiosidade:


Pedra Montada Criada por seres humanos do neolítico - tem entre 6.000 a 14.000 anos
Se fosse natural teria mais de 300.000 milhões de anos  e a natureza teria que ser artesã
Possível ver as duas pedras mais altas que formam as mesas
Bem  como  as   pedras  menores  sobre  as  quais  estão  montadas

Na aparência da morte dorme a vida para acordar nas primeiras chuvas
No entorno do dólmen das Pedras Grandes


Mais uma estranha formação na paisagem a 300 metros do dólmen
 Tudo da era do neolítico, entre 12.000 e 4.000 antes de Cristo, precisando somar-se aos 2012 anos que se passaram desde o nascimento de Cristo.  Logo, as pedras montadas  de Senador Pompeu, nas Pedras Grandes, têm no  mínimo 6.000 anos e no máximo 14.000 anos de existência. MUITO, MUITO ANTES DE COLOMBO INVADIR A AMÉRICA E CABRAL TOMAR DE ASSALTO O BRASIL.  Que se diga, descoberto como sítio histórico em outubro de 2012, que pode ser lida em matéria do jornalista Alex Pimentel no jornal Diário do Nordeste:http://diariodonordeste.globo.com/materia.asp?codigo=1187011

Reina verde e silenciosamente o mandacaru 
No Sertão ressecado cheio de antíteses
Há quem chame de milagre - vejo poesia - poesia da vida

Pedra que se assemelha a um menir

Pedra que se assemelha a um menir
 Há uma minoria que diz ser formação natural, por  várias características do monumento pré-histórico impossível que seja. Para se ter uma ideia para ser uma formação criada ao acaso pela natureza, como a galinha choca em Quixadá, por exemplo, O megálito das Pedras Grandes teria mais de 300 milhões de anos.  Para se ter uma ideia do quanto é muito tempo, o homem mais antigo da terra, que assinala a origem da espécie humana, encontrado na África, tem cerca de 4,5 milhões de anos.  TIVESSE TANTO TEMPO O MOMUMENTO TERIA VIRADO PÓ! Confira também a matéria da descoberta do megálito em: http://valdecyalves.blogspot.com.br/2012/09/anuncio-ao-brasil-e-ao-mundo-um-local.html

A base natural do dólmen  é inclinada - as pedras que servem de base à pedra da mesa - a maior
São perpendiculares à pedra da base e vão aumentando a altura - da maior pra menor - à medida que a base se inclina
A natureza está escrita em linguagem matemática - mas tal engenho é humano
Então  fruto de planejamento -  não obra do acaso

Sentado numa das bases de um dólmen bem menor - há mais dois do mesmo tamanho

Pedra Montada menor

A mais alta serra do entorno é a bela Serra do Patu - há cerca de 02 km
 Lembrando que as pedras montadas de Senador Pompeu é uma montagem de várias rochas perpendiculares em relação à base, de cores diferentes, perfeitamente montadas a ponto de serem de tamanhos diferentes para manter a segunda base onde descansa a mesa do dólmen, a pedra montada, a maior com dezenas e dezenas de toneladas. O que para as pessoas locais pode parecer muito pesado para ser erguido, basta lembrar Carnac, na França, Stonehenge na Inglaterra e as pirâmides do Egito.

Bela pedra próxima ao dólmen das Pedras Grandes


Pedras gêmeas - enormes - maravilhas simétricas - mais um mistério a ser decifrado


De se destacar as pedras gêmeas que são belíssimas. Lado a lado chamando a atenção e bem simétricas, como os olhos que temos no rosto e a as asas que permitem o voo do pássaro. Criadas? Formação natural? Com a palavra os arqueólogos, os antropólogos, os historiadores! 


Ponta da pedra da mesa do dólmen das Pedras Grandes - Senador Pompeu - Ceará - Brasil

Uma das bases da pedra da mesa sobre a base - são dezenas de toneladas
Esculpida na maior de todas as pedras com mais de 70 metros quadrados - formando grande câmara

Sob à pedra da mesa - apontando para segundo ponto de sustentação da pedra da mesa
Mede cerca de 9 metros  de comprimento por 08 de largura a Câmara formada
Terceira das 05 bases -  esculpida na própria pedra da mesa


Dólmen menor - sustentando por uma pedra branca arrendondada
De onde o acaso e a natureza tiraria tal gosto - tal pedra - desafiando os argumentos dos céticos
Lembrando que a pedra que forma a mesa sobre a pedra branca  - pedra da mesa menor
Também é base da outra pedra da mesa maior - base sobre base

Sobre as Pedras Grandes - na maior pedra da mesa do megalito - que reina com mistério e encanto
Um  templo  em  pleno  sertão central  -  um megalito gigantes com no mínimo 6.000 anos de existência
Uma mensagem de milhares de anos - das gerações anteriores às gerações do presente tão sofredoras e exploradas

Mais uma das bases da maior das pedras que forma a mesa principal

Mais uma das bases da maior das pedras que forma a mesa principal - São 05 bases

Mais uma das bases da maior das pedras que forma a mesa principal - - São 05 bases
Ao todo são 05 bases que sustentam a gigantesca Pedra Principal com mais de 70 m quadrados

Ao longe - o gigantesco megálito das Pedras Grandes  - em pleno sertão - contemplando o pôr-do-sol

Um local lindo, mágico, encantado, num sertão maravilhoso, que é um templo, onde dorme a eternidade, a reflexão e o encantamento. Primeira parte do Território brasileiro onde nasceu o mais antigo Brasil. O que enriquece nossa história, nossa riqueza cultural, desrespeitada e abandonada, o que demonstra que merecia melhores políticos. Não essa riqueza de ladrões da politicagem, com tamanha miséria de ética. Mas eles passarão, como todo ma, pois não há mal que sempre dure! O lixo da história os aguarda. MARAVILHEMO-NOS, CONTEMPLEMOS,  ENCANTEMO-NOS, ORGULHEMO-NOS, PRESERVEMOS!

Nenhum comentário:

Related Posts with Thumbnails