domingo, 30 de março de 2014

CRONOGRAMA DE LUTA FOI APROVADO POR SERVIDORES DE MARCO OBJETIVANDO A NEGOCIAÇÃO DA CAMPANHA SALARIAL DO ANO 2014 – ATÉ AGORA O MUNICÍPIO NÃO RECEBEU O SINDICATO PARA NEGOCIAR!

Aprovação do cronograma de luta por unanimidade
Foto: Mara Paula
APROVADO UM CRONOGRAMA DE LUTA PARA PROVOCAR A NEGOCIAÇÃO E  EVITAR RADICALIZAÇÕES: Após a indiferença do Município de Marco, que ainda não chamou o Sindicato dos Servidores Municipais de Marco – SINDMARCO – para negociar a Campanha Salarial do ano de 2014, a categoria aprovou por unanimidade, em assembleia realizada em 29/03/2014, cronograma de luta na busca de resolver todas as pendências com os servidores, o que requer urgentes rodadas de negociações, que o Município teima em não dar início. A MAIORIA DAS VIOLAÇÕES A DIREITOS SOCIAIS PREVISTOS EM LEI. Fato que por si configura crime e ato de improbidade, causador de danos morais e danos materiais. Eis o cronograma de luta aprovado: 

1)     O Município será oficiado segunda-feira a começar as negociações;
2)     Será requerido ao Ministério Público intermediação para resolver os impasses através de Termo de Ajuste de Conduta (TAC);
3)     Em Maio será realizada uma audiência pública na Câmara Municipal para tornar pública todas as violações aos direitos sociais mínimos dos servidores municipais de Marco;
4)     Até a audiência não havendo início das negociações, nem solução das pendências, o SINDMARCO levará um ônibus de servidores para uma audiência na PROCAP, que já pacificou que violar direito previsto em lei é crime e a abertura de inquérito criminal pela PROCAP;
5)     Será ajuizada ação buscando a liberação de mais dois dirigentes sindicais;
6)  Foi eleita comissão para fazer estudo da folha de pagamento da saúde, para levantar, inclusive, a quantidade de contratados;
7)     Foi eleita comissão para fazer estudo completo na folha da educação do Município;
8)     Vereadores do Município serão procurados para a possibilidade de abrir CPI do FUNDEB e do ATRASO DE FOLHA DE PAGAMENTO DA SAÚDE, se até a audiência pública a se realizada na Câmara Municipal persistirem as violações;
9)     Continua a Campanha de fortalecimento da entidade sindical; 
10)  A categoria continua apostando no diálogo e aguarda o início das rodadas de negociações. SÓ HAVERÁ RADICALIZAÇÕES SE NÃO HOUVER AVANÇO E REUNIÕES COMO DEVE OCORRER ONDE REALMENTE EXISTA DEMOCRACIA E SE RESPEITE O SINDICATO DA CATEGORIA.
  

INDIGNAÇÃO GERAL: Todos ficaram indignados em saber que os professores ainda recebem o piso pirata do ano de 2013 e não têm respeitado integralmente o direito a 1/3 extraclasse. Debateu-se muito sobre a grande quantidade de contratados no Município, em detrimento do instituto de concurso público. Todavia um dos fatos mais graves foi a denúncia do atraso do pagamento constante dos servidores da saúde. OS SERVIDORES EXIGEM A ELABORAÇÃO DE UM CALENDÁRIO DE PAGAMENTO DE TODOS OS SERVIDORES DE MARCO PARA O ANO DE 2014. SE O MUNICÍPIO NÃO ELABORAR, SERÁ PROTOCOLADO UM PROJETO DE LEI DE INICIATIVA POPULAR CRIANDO UM CALENDÁRIO COM BASE NO DIREITO ADQUIRIDO, QUAL SEJA, OS SERVIDORES TÊM O DIREITO DE RECEBER SEU PAGAMENTO ATÉ O 5º DIA ÚTIL DE TODO MÊS. Continua-se investindo no diálogo. Mas cada vez mais, sem saída, a categoria irá radicalizando a luta em defesa dos seus direitos e de justiça social. COMO TÁ É QUE NÃO PODE FICAR, NEM FICARÁ!

Nenhum comentário:

Related Posts with Thumbnails