quinta-feira, 19 de fevereiro de 2015

SERVIDORES DE REDENÇÃO APROVAM RADICALIZAÇÃO DA LUTA APÓS PROPOSTAS IMORAIS DO PREFEITO BANDEIRA E RECEBEM APOIO DE TODOS OS VEREADORES DA OPOSIÇÃO... REDENÇÃO VAI ENTRAR EM ERUPÇÃO!

Cronograma de luta é aprovado por unanimidade por toda a categoria
Fotos; Mara Paula -Valdecy Alves

UM PREFEITO QUE NÃO TEVE O MENOR PUDOR DE PROPOR APENAS 9% DE REAJUSTE PARA OS PROFESSORES DE REDENÇÃO - VIOLANDO A LEI DO PISO - VIOLANDO A CONSTITUIÇÃO FEDERAL E MAIS UMA VEZ VIOLANDO O PLANO DE CARREIRA DA CATEGORIA: Não bastasse ter reduzido piso dos professores no seu primeiro ano de gestão; não bastasse ter reduzido salário dos demais servidores com reajustes inferiores ao INPC; Não bastasse ter dado um golpe fatal no plano de carreira dos profissionais do magistério; não bastasse não ter ainda implementado o piso dos agentes comunitários de saúde e dos agentes de combate às endemias; não bastasse não ter ainda enviado para Câmara Municipal o projeto de carreira dos servidores da saúde; não bastasse o fim da liberdade de expressão em Redenção, QUE ESTÁ MERGULHADA NUM TIPO DE DITADURA BRANCA, o prefeito Bandeira teve a coragem de propor um reajuste de apenas 9% aos professores, abaixo até mesmo do percentual pirata do Mec, COMO ALTERNATIVA PROPÔS ALGO MAIS IMORAL: 13.01% DE REAJUSTE, adotando o piso pirata do Mec, mas sem efetivo retroativo a janeiro.  QUANTA IMORALIDADE! QUANTA FALTA DE RESPEITO AO PROFESSOR! QUANTA FALTA DE VALORIZAÇÃO! E É PORQUE A SECRETÁRIA DE EDUCAÇÃO É PROFESSORA, EX-PRESIDENTE DO SINDICATO DOS SERVIDORES E EX-LIDERANÇA DA FETAMCE. Que descalabro! E pensar que isso acontece no Município que se orgulha de ser o primeiro a dar um grande exemplo de respeito à LIBERDADE!

Prefeito Bandeira - Exterminador de Direitos dos Servidores
OS REPASSES DE RECURSOS SÓ AUMENTAM PARA REDENÇÃO ENQUANTO ISSO O PREFEITO BANDEIRA SÓ REDUZ SALÁRIO E DIREITOS DOS SERVIDORES: Desde 2013 os repasses de recursos só aumentam para Redenção (CE), por outro lado o servidor cada vez mais desvalorizado recebendo um salário de miséria; Os servidores da saúde são tratados a pão e água e na terra que primeiro LIBERTOU OS ESCRAVOS, DANDO UM EXEMPLO DO QUE É PRÁTICA DE LIBERDADE, eis o porquê de se chamar de Redenção, É A PRIMEIRA TERRA A TENTAR ESCRAVIZAR OS PROFESSORES E REDUZIR OS SEUS DIREITOS À CINZA.  Hoje, querer fazer um mal a um inimigo atualmente é só sugerir que seja servidor público em Redenção, um inferno na vida de qualquer servidor, que tem sua dignidade reduzida a pó. O Sindicato dos Servidores Públicos Municipais de Redenção - SINSEMPRE - que se confunde com a própria categoria - está em assembleia permanente e vai botar é pra quebrar n aluta pelo direito! O abuso do prefeito Bandeira não prevalecerá. Sem dúvida que ele já tem o lugar na história como o maior inimigo do professor, o que mais odeia educação e o carrasco dos direitos sociais dos servidores municipais. EM MUITOS LUGARES, QUANDO SERVIDORES ESCUTAM O NOME DO PREFEITO BANDEIRA, BATEM 03 VEZES NA MADEIRA E ALGUNS SE BENZEM PARA SE PROTEGEREM DO MAL GESTOR! O SERVIDOR NUNCA SE SENTIU TÃO HUMILHADO, TÃO SOFRIDO, TÃO INDIGNADO COMO NA ATUAL GESTÃO! 

 CONCLUSÃO: A categoria aprovou um verdadeiro cronograma de atividades: 

Momentos importantes da assembleia
1) Quinta-feira, 19/02/2015, protocolará junto ao Ministério Público local a pauta salarial 2015, visto que a maioria das reivindicações são direitos e violar direito além de ser crime e ato de improbidade. Inicialmente se pede a mediação, mantidas as violações, haverá representação criminal  e por improbidade, que poderá impedir a candidatura do Prefeito à reeleição, prioridade máxima do grupo no poder; 

2) Foi eleita comissão para ir ao Tribunal de Justiça, para tratar com o corregedor sobre a demora nos despachos dos processos que envolvem direitos dos servidores de Redenção, sobretudo o que diz respeito a vários mandados de injunção e a execução de um Termo de Ajuste de Conduta pela promotoria, que não consegue efetivar direitos mesmo o prefeito perdendo todos os recursos judiciais; 

3) Caso as violações continuem, a Procap será acionada para abertura de ação criminal, POIS O PREFEITO VIOLA CONCURSO, tendo mais contratados no Município que concursados, fora outras inúmeras ilegalidades; 

4) Foi eleita comissão, que será recebida pela Procuradoria Geral de Justiça, audiência já marcada, para tratar de algumas situações intermediadas pelo Ministério Público local, que não têm efetividade, mesmo o prefeito assinando. Mesmo com multa e ação na Justiça. A categoria está decepcionada como o Ministério Público pela forma como reage às atitudes do prefeito Bandeira, que assinou acordos perante à promotoria e zomba dos acordos e do Ministério Público, não cumprindo as obrigações assumidas. Maculando assim a imagem da promotoria local;

5) Dois vereadores,  vereador Mairton e vereadora Marisa, compareceram à assembleia oferecendo apoio incondicional à luta dos servidores. Anunciando que dos 11 vereadores, 06 estão na oposição. Em nome dos 06 de oposição comunicaram que será realizada um audiência pública, conforme solicitada pelo Sindicato, para debater a situação do regime próprio de previdência social, Redenção-Prev, que segundo informações no site do Ministério da Previdência, tem um rombo atuarial de mais de R$ 100 milhões de reais e como saldo na conta apenas R$ 19.000,00 (dezenove mil reais). UM CAOS, NA ATUAL GESTÃO, O FUNDO MUNICIPAL DE PREVIDÊNCIA QUEBROU QUE PARTIU NO MEIO; 

06) articulou-se com os vereadores a aprovação de projetos de lei, ADEQUANDO A LEGISLAÇÃO MUNICIPAL ÀS LEIS FEDERAIS, QUE SERÃO ELABORADOS PELA ASSESSORIA JURÍDICA DO SINDICATO, disciplinando o reajuste do piso do professor conforme a lei e também o piso dos agentes comunitários de saúde e agentes de combate às endemias.  POIS A UNIÃO JÁ LEGISLOU SOBRE A QUESTÃO, INSTITUIU O PISO, CABENDO À CÂMARA MUNICIPAL APENAS FAZER A ADEQUAÇÃO, JÁ QUE A QUESTÃO DO PISO E REAJUSTE, NOS DOIS CASOS, NÃO SÃO DA COMPETÊNCIA DO PREFEITO E AS VERBAS SÃO FEDERAIS E JÁ FORAM CREDITADAS NA CONTA DA PREFEITURA. 

Por fim, os servidores da saúde não aceitam o ZERO POR CENTO DE REAJUSTE, e demonstraram seu repúdio à falta de respeito do Prefeito Bandeira com a categoria. Debateu-se também a possibilidade de abertura de duas CPI's, ideia que será aprofundada caso não ocorram avanços na próxima assembleia. A LUTA ESTÁ FIRME! FORTE E SÓ CESSARÁ COM A VITÓRIA!


Nenhum comentário:

Related Posts with Thumbnails