domingo, 2 de julho de 2017

ANTIGA ALFÂNDEGA DE FORTALEZA - POR ONDE PASSOU GRANDE PARTE DA RIQUEZA ECONÔMICA DO CEARÁ NO FINAL DO IMPÉRIO E NAS PRIMEIRAS DÉCADAS DA REPÚBLICA - UM PRÉDIO QUE ESTARÁ PARA SEMPRE NA MEMÓRIA DO POVO!



O antigo prédio da alfândega é rustico e ao mesmo tempo imponente
Foto: Orion Zarathustra - Valdecy Alves

O Prédio visto de lado - Adaptado pata trens
ANTIGA ALFÂNDEGA DE FORTALEZA - VALE A PENA VISITAR: O prédio da antiga alfândega de Fortaleza localiza-se na esquina da Avenida Pessoa Anta (Em homenagem a revolucionário da Confederação do Equador fuzilado) com A Rua almirante Tamandaré (Militar herói patrono da Marinha brasileira). Pois na esquina dos heróis antagônicos  desde o ano de 1891 está erguido esse importante prédio, que até 1950, foi o portal por onde passou toda a riqueza do Ceará para o mundo, principalmente algodão, e por entrou tudo que se importava do exterior. Se a linha férrea uniu o interior do Ceará com a Capital, Fortaleza, através da alfândega, seus trapiches e portos... se conectou com o mundo inteiro. Atualmente, o antigo prédio pertence à Caixa Econômica Federal, que mantém no local a Caixa Cultural, com atividades artísticas. Importante destacar que fica em frente ao Dragão do Mar, outro importante ponto cultural de Fortaleza. Assim, fica a dica para todo e qualquer turista de visitar, conhecer o prédio por onde passa a história e a identidade de Fortaleza, que é uma cidade com grande influência marítima, localizando-se à beira do Atlântico, um dos destinos turísticos mais visitados no Brasil e um dos locais , em virtude da fama e das belezas de suas praias, visitada por turistas do mundo inteiro. Dia e noite, possível sentir no ar, por conta do vento que sopra do mar constantemente, o próprio cheiro do oceano, com toda sua potência e poder.  

No interior do prédio - pontos de descarga


Valdecy Alves na Avenida Pessoa Anta - Hoje funciona a Caixa Cultural
UMA ARQUITETURA SIMPLES - ECLÉTICA E ENCANTADORA: O prédio é todo construído com pedra, cal e óleo de peixe. Feito para durar milhares de anos. Sua estrutura lembra o estilo das estações ferroviárias, pois os produtos costumavam chegarem e serem levados por trens. Por isso é muito longo e estreito. Os armazéns eram separados: os armazéns para produtos que seriam importados e outro para os produtos que seriam exportados. As mercadorias não perecíveis eram depositadas ao ar livre. Na região, inicialmente funcionaram vários trapiches, tipos de portos rudimentares, por onde se embarcavam e desembarcavam pessoas e produtos. O prédio de portas largas, arqueadas, muitas janelas, colunas esguias ao longo da construção, demonstrando que se trata de um edifício com arquitetura eclética, que começa com a rudeza das pedras, mas que em seu interior tem uma belíssima escada dupla, trazida da cidade de Glasgow, na Escócia.  


A esquina em que se localiza - Pessoa Anta com Almirante Tamandaré

FATOS HISTÓRICOS CURIOSOS - QUE FORAM NOTÍCIA NO CEARÁ E EM TODO BRASIL NO ENTORNO DA ANTIGA ALFÂNDEGA: Todo o movimento marítimo de fortaleza se dava em torno da alfândega e área de embarque e desembarque. Trens e bondes cruzavam a região. Até mesmo o embarque e desembarque de passageiros nos mesmos trapiches em que se embarcavam e desembarcavam mercadorias. Na época não havia ainda o comércio como tem hoje via aeroportos ou rodovias. Assim, foi no entorno da alfândega que o famoso Dragão do Mar liderou os jangadeiros para não embarcar mais escravos do Ceará para o Sudeste do Brasil. Sendo festejado como ativista contra a escravidão, que foi homenageado e capa de revista até na Capital do Império, no Rio de Janeiro. Assim, o humilde jangadeiro Chico da Matilde passou a ser cognominado como Dragão do Mar. Outro fato relevante foi uma greve dos portuários, que findou com a morte de 03 grevistas e 40 feridos.  Uma das primeiras greves no Ceará e entre as primeiras greves do Brasil, que parou a cidade, causou tensão e terminou com muita violência.  Sem dúvida que o prédio da antiga alfândega de Fortaleza fala alto, contando importante capítulo da história de Fortaleza, uma das maiores cidades do Brasil. Terra de Iracema, do mito de José de Alencar.

VEJA VÍDEO SOBRE A ANTIGA ALFÂNDEGA DE FORTALEZA - CLICANDO NA IMAGEM ABAIXO:









Nenhum comentário:

Related Posts with Thumbnails