sexta-feira, 26 de fevereiro de 2010

CÂMARA MUNICIPAL DE TABULEIRO DO NORTE É OCUPADA - QUE TODOS SAIBAM


Servidores De Tabuelrio do Norte

SINDICATO DOS SERVIDORES PÚBLICOS MUNICIPAIS DE TABULEIRO DO NORTE OCUPOU HOJE - DIA 26/02/2010
A CÂMARA MUNICIPAL DE TABULEIRO DO NORTE
ATO NECESSÁRIO E HERÓICO - OS SERVIDORES ESTÃO LÁ - ACAMPADOS


Em todo o Estado do Ceará, não há mais quem agüente as posturas do Poder Legislativo, que abre da sua autonomia e por interesses e vantagens pessoais acaba vendendo a alma ao diabo e os direitos dos trabalhadores. NÃO BASTASSE NO TRISTE PAPEL QUE OS VEREADORES TÊM FEITO EM RELAÇÃO À IMPLANTAÇÃO DO PISO DO MAGISTÉRIO. Aprovando todo tipo de absurdo, salvo raríssimas exceções. Não fiscaliza, legitima o abuso de poder e tem sido cúmplice dos desvios do FUNDEB ou atuando ou se omitindo. Sem falar na aprovação de leis absurdas mudando regimes gerais de previdência para regimes próprios, com objetivos espúrios.

Não bastassem tantos desmandos, tanto abuso, tanta omissão, tanta traição à Constituição Federal, aos direitos humanos e aos direitos sociais dos trabalhadores, alguns prefeitos juntamente com algumas câmaras passaram a tirar direitos dos trabalhadores, isto é: PIORAR O QUE JÁ É RUIM. Simplesmente tirar, por pura maldade. Direito que sequer criaram. Além de não terem competência para melhorar as coisas, querem piorar.

EM TABULEIRO DO NORTE: A Câmara Municipal vem aprontando há muito tempo. No final de 2009 aprovaram projetos de lei do prefeito tirando licença prêmio e cassando o direito dos sindicalistas serem liberados. Agora iriam aprovar novas leis violando novos direitos, piorando mais ainda o que já é ruim. VEREADOR NÃO É ELEITO PARA CASSAR DIREITO, PARA PIORAR DIREITO, PARA UTILIZAR O CARGO PARA INTERESSES PESSOAIS ÀS CUSTAS DO SACRIFÍCIO DOS DIREITOS SOCIAIS COLETIVOS. Iriam aprovar absurdos, só restou a categoria ocupar a câmara.

Os vereadores correram porque quiseram, a categoria não sairá enquanto a presidência, que foi chamar a polícia, não receber o SINDICATO e tirar o projeto de votação juntamente com o prefeito municipal, que toca fogo no circo, depois some do mapa. O PODER EMANA DO POVO E EM NOME DO POVO É EXERCIDO E O POVO NÃO QUER QUE VEREADOR TIRE DIREITO DE TRABALHADOR. NEM O PREFEITO DEVERIA ENVIAR TAIS PROJETOS DE LEI. Por fim a Câmara não pode ser um anexo da prefeitura, tem que ser um poder sério, livre, autônomo, responsável. NEM PODE PRATICAR O MAL DESSA FORMA. A polícia foi chamada, mas só pode tirar os servidores com mandado judicial. Enquanto isso, o prefeito que fez toda maldade parece de fora, mas não está. NA VERDADE É O GRANDE RESPONSÁVEL PELA SITUAÇÃO E POR TUDO QUE ACONTECER DORAVANTE! RESPONSÁVEL POLÍTICO! REPONSÁVEL MORAL! RESPONSÁVEL POR TODOS OS DANOS MATERIAIS E MORAIS QUE VIEREM OCORRER!

SE A POLÍCIA COMPARECER E OUSAR TIRAR OS SERVIDORES SEM MANDADO JUDICIAL, AQUELES QUE PRATICAREM ABUSO SERÃO TODOS PROCESSADOS POR DANOS MORAIS, CRIMINALMENTE E NA CORREGEDORIA DO COMANDO DA POLÍCIA MILITAR. A polícia devia prender governante e parlamentar que violam a Constituição Federal. Esperamos que a polícia se contenha e não vá além de sua competência. Recentemente o José Arruda mandou bater no povo em Brasília, atualmente ele está na cadeia e os policiais truculentos respondem vários processos.

Que cada cidadão que se indignar mande um e-mail de apoio ou ligue para rádio de Tabuleiro do Norte, pedindo para ser colocado no ar, protestando contra a postura do prefeito e do presidente da Câmara Municipal. Antes que o povo, no desespero, sentindo-se traído pelos prefeitos, pelos vereadores, pelos poderes constituídos do Estado, COMECE A FAZER JUSTIÇA COM AS PRÓPRIAS MÃOS, VOLTANDO À BARBÁRIE! A ESSA ALTURA OS TRABALHADORES ESTÃO SÓS, A CONSTITUIÇÃO ESTÁ SENDO RASGADA E O PODER LEGISLATIVO E EXECUTIVO DE TABULEIRO DO NORTE COMETEM ABUSOS INACEITÁVEIS. NÃO BASTA INDIGNAR-SE! Necessário deixar claro que o poder é do povo e só pode ser exercido para prática do bem, nunca para causar prejuízos, mesmo a uma árvore, que não é um ser humano. TIRAR DIREITO DE TRABALHADOR, POR PURA MALDADE, É SIMPLESMENTE UM ABSURDO!

QUE TODOS OS SINDICATOS DE SERVIDORES MUNICIPAIS, a exemplo da FETAMCE, que acompanha que apóia a luta da categoria, IRMANEM-SE COM OS COLEGAS DE CATEGORIA DE TABULEIRO DO NORTE, COM O SINDICATO DOS SERVIDORES MUNICIPAIS DE LIMOEIRO DO NORTE, CUJO E-MAIL: simsep@brisanet.com.br; marcos antonio <a.marcos@hotmail.com>; irinelia <irinelia@bol.com.br> Liguem para as rádios de Tabuleiro do Norte, peçam para entrar no ar e apoiem os trabalhadores: 0xx 88 3424 2115 – 0xx 88 3424 2012. DIVULGUE ESSA NOTÍCIA, MANDE-A PARA TODA IMPRENSA E SEUS CONTATOS! SE PUDEREM, LIGUEM ATÉ MESMO PARA O PREFEITO CRITICANDO A SUA POSTURA.
QUE TODOS QUE LEREM ESTE ARTIGO SEJAM SOLIDÁRIOS AOS TRABALHADORES, QUE LUTAM PARA QUE SEUS DIREITOS NÃO PIOREM! ALGUNS DIREITOS, COMO O DO PROFESSOR AO PISO NACIONAL, PRINCÍPIOS CONSTITUCIONAIS. FAÇAMOS UMA CORRENTE DE SOLIDARIEDADE AOS SERVIDORES MUNICIPAIS DE TABULEIRO DO NORTE E AO SINDICATO DOS SERVIDORES MUNICIPAIS DE TABULEIRO DO NORTE, NO MOMENTO CONSUBSTANCIADO ATRAVÉS DE INÚMEROS SERVIDORES, QUE NÃO DESOCUPARÃO A CÂMARA MUNICIPAL, AGORA RESGATADA PELO POVO, ENQUANTO O PROJETO DE LEI QUE CASSA DIREITOS DOS TRABALHADORES NÃO FOR RETIRADO DE PAUTA.

segunda-feira, 22 de fevereiro de 2010

EDUCAÇÃO É TUDO – FLORENT AMODIO O FRANCÊS-CEARENSE QUE SÓ TEVE ACESSO À EDUCAÇÃO E À DIGNIDADE EM SOLO ESTRANGEIRO

Repercutiu muito no Brasil a presença do patinador francês, nascido em Sobral, no Ceará, nas olimpíadas de inverno de Vancouver, no Canadá, em 2010. Sem dúvida que ele tem uma grande história de vida. Mas uma história alicerçada na realidade social brasileira, que nega educação de qualidade aos seus alunos, que nega direitos fundamentais às suas crianças, que sequer forma pessoas capazes de terem filhos de forma responsável. Se no sertão, com clima quase desértico, há quem nasça com talento para ser patinador no gelo, imagine quantos talentos não são desperdiçados por falta de investimento, por falta de oportunidade em todo o Brasil?

Fica demonstrado que qualquer povo tem seus talentos, que caso não lapidados, serão grandes os prejuízos individuais e coletivos. A natureza premia todos os povos com os mesmos potenciais, a diferença e que há civilizações que possuem mais riquezas e investem, sobretudo, na formação dos seus cidadãos e cidadãs. Enquanto um brasileiro precisar ser exportado, tendo como causa a miséria, todas as políticas públicas terão fracassado, os direitos fundamentais restarão violados, a Constituição Federal com seus principais objetivos não passará de uma utopia e o Brasil estará mais perto da barbárie que da civilização. Eis então, um poema para o cearense geograficamente falando e o francês em cultura, Florent Amodio, símbolo do sofrimento dos excluídos do Brasil, que com seus governantes tem mais fabricado marginais, que não cabem nos presídios construídos e em construção, que criar heróis, que sirvam de exemplo a todos os brasileiros. Abaixo um poema para:


Florent Amodio
Cidadão do mundo por sorte
Cearense por força maior
Patinador olímpico do gelo
Comprovou: Educação é tudo!

Adotado por franceses
Antes para não morre de fome
Também por dignidade...
Não teve o destino dos demais irmãos!

Florent Amodio
Patinador olímpico do gelo comprovou
Educação é tudo!

A França comprovou
Porque é terra da cultura
Que investe em educação
Que lapida o ser humano!
Terra de Voltaire, Terra de Rousseau!

Já no Brasil
A política para os miseráveis
Só torna os ricos mais ricos
Já a educação fundamenta repasses de bilhões
Que não chegam às escolas...
Que não chegam aos estudantes...
Que não chegam aos salários dos professores
Enquanto isso
Aqueles mesmos ricos se tornam mais ricos...

Florent Amodio
Patinador olímpico do gelo comprovou
Educação é tudo!

Os sobralenses podem-se orgulhar
Ele bebeu das águas do Acaraú
Pisou naquele chão!
Compartilhou dos mesmos raios de sol...

Já os governantes... todos... envergonhem-se!
Graças á corrupção associada à incompetência
O Brasil tem sido uma nação de miseráveis
De escravos da ignorância...
Exportador de miseráveis
Que haverão de encontrar dignidade
Que seus governantes e familiares negaram...

Florent Amodio
Cidadão do mundo
Patinador olímpico do gelo comprovou
Educação é tudo!


Enquanto o Brasil
Tiver que exportar um miserável
A quem negou cidadania mínima
O mínimo existencial...
Pode até definir-se como país
Mas nunca será uma nação
Pois que pátria mãe gentil é essa
Que larga um filho a própria sorte?!

Florent Amodio
Não tivesse ido para França
Poderia estar em algum sinal...
Poderia patinar pelas ruas
Perambular por reformatórios não reformados
.............................................................
Poderia ser o comerciário
Que encontrou o seu fim
Na arma assassina daquele juiz!

Florent Amodio
Patinador olímpico do gelo comprovou
Educação é tudo!
Um desses filhos do solo
Sem comida, sem casa, sem educação...
Que não tem uma mãe gentil
Pátria desnaturada só de alguns
Brasil !

sábado, 13 de fevereiro de 2010

Pesquisa explica porque ninguém quer ser professor - A Profissão mais Desprestigiada do Brasil

Suplício de Sísifo

Segundo recente pesquisa encomendada pela Fundação Victor Civita e realizada pela Fundação Carlos Chagas, apenas 2% dos alunos do segundo grau, atualmente, pensam um dia em ser professor. Pesquisa acessível em: http://revistaescola.abril.uol.com.br/politicas-publicas/carreira/ser-professor-escolha-poucos-docencia-atratividade-carreira-vestibular-pedagogia-licenciatura-528911.shtml.

E qual o perfil desses 2%? Minoria suprema, que ainda tem coragem de querer ser profissional da educação no Brasil? Segundo a mesma pesquisa os 2% tem o mesmo perfil dos atuais universitários que cursam Pedagogia ou outra licenciatura voltada para sala de aula, a saber:

1) 80% cursaram nível médio em escola pública;
2) 30% deles estão entre os que foram aprovados com as piores notas;


A conclusão é que: aqueles que serão professores são mal qualificados. Respondendo ainda a pesquisa, a área de Pedagogia ficou em 16% lugar na preferência dos alunos da escola pública. Já para os alunos das escolas particulares ainda mais distante, como desejo, ocupa o 36º lugar. Os pesquisadores fizeram a seguinte pergunta: Por que você não quer ser professor? Eis as razões, senhores prefeitos, senhores governadores, senhores secretários de educação:

1) É desgastante;
2) Desvalorizado socialmente;
3) Mal remunerado.

Para piorar, nem os alunos querem ser professores, nem a família quer que sejam professores. DESSA FORMA QUAL SERÁ O FUTURO DA EDUCAÇÃO NO BRASIL? QUE FUTURO TERÁ O BRASIL? Segundo os especialistas, urgentes medidas devem ser tomadas. Entre elas apontam:

1) Melhor remuneração, para atrair os melhores;
2) Bons planos de Carreira;
3) Investir na formação dos profissionais;
4) Resgatar a importância do professor para sociedade;
5) Tratar o professor como profissional;
6) Entre outros.

O que temos visto no Estado do Ceará, que não é diferente do resto do Brasil? Mesmo com o advento da Lei do Piso salarial para os profissionais da educação: Conseguiram reduzir a remuneração em alguns municípios; as propostas de planos de carreira são vergonhosas; os profissionais da educação são tratados como despesa; não há investimento na formação dos profissionais; o professor é cada vez mais humilhado e ridicularizado, mesmo quando no desespero faz greve; quando falta ao trabalho com várias doenças que variam de problemas vocais, depressão e até problemas mentais, pelo desgaste e desilusão com a profissão, são tratados pela mídia como irresponsáveis e pelo Ministério Público como criminosos; não são tratados como profissionais, tanto que até o instituto do concurso é sabotado e passam a contratar por politicagem, por apadrinhamento, não por critérios objetivos, pois o concurso selecionaria os melhores, mas qual melhor quer ser professor? A pesquisa apontou que é profissão que atrai uma minoria entre os piores alunos. No Ceará educação de qualidade é um sonho de uma noite de verão.

Como paradoxo, os repasses do FUNDEB, de janeiro de 2008 até janeiro de 2010, tiveram um aumento em média, em se tratando de mais recursos, da ordem aproximada de 70%, considerando a atualização do valor aluno para o ano de 2010. PARA ONDE ESTÁ INDO TODO ESSE DINHEIRO NINGUÉM SABE. Mas ninguém vê a mídia escrita ou televisiva investigando os desvios, muito menos o Ministério Público.


CASOS REAIS NO CEARÁ:

1º) No Município de Tabuleiro do Norte, há mais professores contratados que concursados;
2) No Município de Bela Cruz a proposta de Plano de Carreira previa que a formação contínua seria contada apenas como ponto para progressão da avaliação de desempenho;
3) No Município de Apuiarés o prefeito transferiu professores para escolas muito distantes, só porque votaram em outro candidato;
4) No Município de Fortaleza um professor leva anos para ter atendido um simples requerimento de progressão funcional ou um simples pedido de concessão de licença prêmio;
5) No Município de Ocara o prefeito lotou a mesma professora pela manhã numa escola e à tarde noutra escola a quilômetros de distância, sendo impossível mesmo em veículo motorizado chegar a tempo de dar aula e sem pagar auxílio transporte;
6) No Município de Itapajé, chamaram de plano de carreira, um projeto de lei onde só havia previsão de classe única. Como pode existir carreira onde há apenas uma classe se as classes são os degraus da carreira? Devendo no mínimo existir uma classe para nível médio, uma para nível superior e outra classe para especialista;
7) No Município de Quixeré, para cumprir a lei do piso nacional para os profissionais da educação, o Município cassa direito adquirido como o qüinqüênio;
8) No Município de Mucambo, o sindicato da categoria chegou a sofrer perseguição, porque ousou mobilizar a categoria para debater o plano de carreira e apresentou emendas;
9) No Município de Jijoca, a presidente do Sindicato teve retirada metade da jornada, perdendo metade do salário, por ousar mobilizar a categoria da educação para debater o seu plano de carreira;
10) Nenhum Município do Ceará, em suas propostas de planos de carreira, compradas de forma caríssima de assessorias da Capital do Estado, em alguns casos chegando ao valor de R$ 50.000,00 (cinqüenta mil reais), prevê política para formação contínua dos profissionais da educação, eleição para núcleo gestor das escolas, condições adequadas de trabalho, número de alunos por professor, atos que redundem em gestão realmente democrática...

Para finalizar, 03 perguntinhas, que você pode responder em forma de comentário:

I- Se é professor ou professora municipal, você é feliz com a sua profissão? Por quê ?
II- Se ainda cursa o segundo grau, sonha em ser professor(a) no seu Município?
III- Você deseja que um filho, uma irmã ou outro parente que você gosta venha a ser professor(a) municipal?

No dia que as três perguntas acima forem respondidas positivamente, cursar Pedagogia ou outras licenciaturas terá o mesmo Status que Direito, Engenharia e Medicina, os cursos mais desejados por aqueles que cursam atualmente o segundo grau, sejam em escolas públicas, sejam em escolas particulares. Segundo a citada pesquisa. Ah! Você viu quanto ganha um procurador municipal, um médico no Município, um engenheiro? Então compare com o piso de um professor. Depois avalie e reflita: EDUCAÇÃO DE QUALIDADE É UM DIREITO HUMANO FUNDAMENTAL? TERÁ QUALIDADE SE CONTINUAREM TRATANDO OS PROFISSIONAIS DA EDUCAÇÃO COMO OS TRATAM HOJE?

Refletir... entender... para agir... para mudar...

domingo, 7 de fevereiro de 2010

AS MAIORES MALDADES CONTRA OS PROFESSORES - SÃO OS MAIORES CRIMES CONTRA EDUCAÇÃO



Não precisa muito texto, as maldades serão demonstradas em forma de tópicos. Enquanto algumas maldades existirem, esqueçam a qualidade da educação. Até porque gente bem educada aprenderá a votar com qualidade, a compreender a mídia verdadeira, a mídia falsa, a mídia vendida. Por fim aprenderá a ser mais sujeito da história que objeto. Essa é a intenção da Constituição Federal, que se choca com a intenção dos que detêm o poder político.

O ser humano bem educado entenderá bem o que significa a liberdade e como ser livre. Esse fato assusta os detentores do poder, sempre inimigos do conhecimento e da liberdade. Pois só há liberdade quando primeiro há conhecimento, gerador da consciência. E onde há consciência é difícil prosperar a mentira, a demagogia ou os parasitas da democracia, a exemplo da maioria dos prefeitos e prefeitas, dos vereadores e vereadoras, que se agarram aos cargos públicos ou à estrutura do Estado, como as pulgas aos cães e os carrapatos aos bois. Eis algumas das principais maldades contra os profissionais da educação, que corrompem todo o sistema educacional brasileiro:

I - Passar em concurso e não ser convocado para assumir o cargo;
II- Ser contratado irregularmente para o próprio cargo que conquistou por concurso;
III- Trabalhar longe da residência sem receber auxílio alimentação ou auxílio transporte;
IV- Não receber bolsa para formação contínua, pagar para estudar, concluir curso e ter negada promoção funcional;
V- Ver os repasses do FUNDEB triplicarem e seu salário minguar!
VI- Ter que ser formado pra ser professor e ter um secretário de educação analfabeto!
VII- Cursar mestrado para ganhar um pouco mais e um prefeito bem remunerado, que nunca leu um livro na vida!
VIII- Obedecer a leis aprovadas sem sequer serem lidas por vereadores, que se lessem nada entenderiam;
IX- Ter como diretores PHD`s em politicagem não em educação, em sua maioria da confiança do prefeito ou prefeita. Núcleo gestor não eleito pela comunidade escolar;
X- Corrigir provas, estudar e planejar aula fora do horário da jornada de trabalho e sem remuneração;
XI- Não haver gestão democrática na escola. MAS DITADURAS!
XII- Escolas com paredes caindo, carteiras quebradas, sem ferramentas, sem ventilação...
XIII- Exclusão digital de alunos e professores;
XIV- Piso salarial humilhante! LEI DO PISO E LEI DO FUNDEB VIOLADAS ACINTOSAMENTE!
XV- Ver atacado o seu direito à greve e à livre manifestação do pensamento;
XVI- Ser difamado, caluniado e injuriado pela mídia em época de campanha salarial;
XVII- Ter seu plano de carreira que já é ruim piorado e violação aos direitos adquiridos;
XVIII- Constatar a omissão da Justiça, mesmo acionada, em proteger a política educacional do país;
XIX- Constatar a omissão do Ministério Público na fiscalização das verbas do FUNDEB;
XX- Verificar que os conselhos municipais do FUNDEB não passam de mentira!
XXI- Perceber que a maioria do Poder Legislativo não tem qualquer compromisso com educação;
XXII- A educação desvinculada da realidade social;
XXIII- Ter perseguidos os sindicatos e as lideranças sindicais, que defendem os profissionais da educação;
XXIV- Perceber que a interpretação contrária à lei prevalece sobre o próprio texto claro da lei;
XXV- Inexistência de políticas que aproximem a comunidade escolar do professor e da escola;

Para concluir, a Constituição Federal pode servir-nos de guia, bastando analisar uma frase do teor do seu artigo 205:

Art. 205. A educação, direito de todos e dever do Estado e da família, será promovida e incentivada com a colaboração da sociedade, visando ao pleno desenvolvimento da pessoa, seu preparo para o exercício da cidadania e sua qualificação para o trabalho.
Logo, antes de ensinar seus alunos como exercer a cidadania, deve o professor dar o exemplo lutando pelo respeito à sua cidadania e contra a negação ao acesso à educação com qualidade. Pois será muito difícil ensinar uma matéria, na qual o professor pode ser reprovado e será derrotado, caso não lute pelo respeito à sua dignidade, pela materialização do piso salarial, pela efetivação dos princípios constitucionais contidos no artigo 206, da Carta Magna e pela observação das diretrizes contidas na Lei de Diretrizes e Bases, LDB, da educação brasileira. O que só é possível através do seu sindicato, do seu voto, de sua mobilização para lutar para que cheguem ao poder os que têm compromisso com a qualidade da educação, com a dignidade humana e com a efetivação dos direitos fundamentais. Hoje há necessidade de uma verdadeira cruzada contra todos os demandos apontados.
HORA DE LUTA! DE MUITA LUTA! DE PARTICIPAÇÃO! ACOMODAÇÃO E MEDO PRECISAM SER BANIDAS, POR ENQUANTO, DO DICIONÁRIO!
Related Posts with Thumbnails