segunda-feira, 22 de fevereiro de 2010

EDUCAÇÃO É TUDO – FLORENT AMODIO O FRANCÊS-CEARENSE QUE SÓ TEVE ACESSO À EDUCAÇÃO E À DIGNIDADE EM SOLO ESTRANGEIRO

Repercutiu muito no Brasil a presença do patinador francês, nascido em Sobral, no Ceará, nas olimpíadas de inverno de Vancouver, no Canadá, em 2010. Sem dúvida que ele tem uma grande história de vida. Mas uma história alicerçada na realidade social brasileira, que nega educação de qualidade aos seus alunos, que nega direitos fundamentais às suas crianças, que sequer forma pessoas capazes de terem filhos de forma responsável. Se no sertão, com clima quase desértico, há quem nasça com talento para ser patinador no gelo, imagine quantos talentos não são desperdiçados por falta de investimento, por falta de oportunidade em todo o Brasil?

Fica demonstrado que qualquer povo tem seus talentos, que caso não lapidados, serão grandes os prejuízos individuais e coletivos. A natureza premia todos os povos com os mesmos potenciais, a diferença e que há civilizações que possuem mais riquezas e investem, sobretudo, na formação dos seus cidadãos e cidadãs. Enquanto um brasileiro precisar ser exportado, tendo como causa a miséria, todas as políticas públicas terão fracassado, os direitos fundamentais restarão violados, a Constituição Federal com seus principais objetivos não passará de uma utopia e o Brasil estará mais perto da barbárie que da civilização. Eis então, um poema para o cearense geograficamente falando e o francês em cultura, Florent Amodio, símbolo do sofrimento dos excluídos do Brasil, que com seus governantes tem mais fabricado marginais, que não cabem nos presídios construídos e em construção, que criar heróis, que sirvam de exemplo a todos os brasileiros. Abaixo um poema para:


Florent Amodio
Cidadão do mundo por sorte
Cearense por força maior
Patinador olímpico do gelo
Comprovou: Educação é tudo!

Adotado por franceses
Antes para não morre de fome
Também por dignidade...
Não teve o destino dos demais irmãos!

Florent Amodio
Patinador olímpico do gelo comprovou
Educação é tudo!

A França comprovou
Porque é terra da cultura
Que investe em educação
Que lapida o ser humano!
Terra de Voltaire, Terra de Rousseau!

Já no Brasil
A política para os miseráveis
Só torna os ricos mais ricos
Já a educação fundamenta repasses de bilhões
Que não chegam às escolas...
Que não chegam aos estudantes...
Que não chegam aos salários dos professores
Enquanto isso
Aqueles mesmos ricos se tornam mais ricos...

Florent Amodio
Patinador olímpico do gelo comprovou
Educação é tudo!

Os sobralenses podem-se orgulhar
Ele bebeu das águas do Acaraú
Pisou naquele chão!
Compartilhou dos mesmos raios de sol...

Já os governantes... todos... envergonhem-se!
Graças á corrupção associada à incompetência
O Brasil tem sido uma nação de miseráveis
De escravos da ignorância...
Exportador de miseráveis
Que haverão de encontrar dignidade
Que seus governantes e familiares negaram...

Florent Amodio
Cidadão do mundo
Patinador olímpico do gelo comprovou
Educação é tudo!


Enquanto o Brasil
Tiver que exportar um miserável
A quem negou cidadania mínima
O mínimo existencial...
Pode até definir-se como país
Mas nunca será uma nação
Pois que pátria mãe gentil é essa
Que larga um filho a própria sorte?!

Florent Amodio
Não tivesse ido para França
Poderia estar em algum sinal...
Poderia patinar pelas ruas
Perambular por reformatórios não reformados
.............................................................
Poderia ser o comerciário
Que encontrou o seu fim
Na arma assassina daquele juiz!

Florent Amodio
Patinador olímpico do gelo comprovou
Educação é tudo!
Um desses filhos do solo
Sem comida, sem casa, sem educação...
Que não tem uma mãe gentil
Pátria desnaturada só de alguns
Brasil !

5 comentários:

Antigão disse...

Parabens pelo comentario absolutamente correto e justo, pena que faz falarmos de nossa propria mãe gentil não pela Mãe Brasil, e sim pelos filhos ingratos que Governam esta nação, que se atiram em um mar de corrupeção, fazendo assim sofrer seu cidadão, sem nenhum compromisso com a Educação, entregando assim seus filhos aos estrangeiros pra que aprendam esta lição de dignidade e educação.
Que vergonha Governantes um Pais tão rico de povos miseraveis, tenham compromisso porque Educação é tudo.
Parabens Valdecy, pela postagem continue sempre com esta visão de critica que só constroi.
Do amigo José Boberto.

Ana Quaiato disse...

Valdecy, adorei!
belo espaço!
todas as dimensões consideradas, bastante holístico, contribuição sem medida para construção dos novos paradigmas!
sensível!
passarei por aqui mais vezes.
grande abraço,

henrijuca disse...

Seu comentario é absolutamente correto,assim como esse garoto existem varios outros no Brasil.
TEMOS UM ESTUDANTE CHAMADO ALCIDES DO NASCIMENTO LINS,FILHO DE UMA EX-CATADORA .. é a história de alguém que tentava vencer a pobreza. Passou em biomedicina, curso que concluiria este ano.QUE FOI MORTO POR TRAFICANTES....COM CERTEZA TEREMOS OUTROS COM + SORTE NO BRASIL POBRES E ANONIMOS EM BUSCA DE EDUCAÇÃO ,CULTURA E DESENVOLVIMENTO SOCIAL E PESSOAL....
MESMO ASSIM EU AMO MEU BRASIL ,PENA QUE QUEM GOVERNA NÃO AMA E AINDA O TRAI...E O POVO É QUEM SOFRE.

CARLOS HENRIQUE J.ALCANTARA

henrijuca disse...

Sua identidade foi feita pela sua familia Francesa,pela cultura e pelo amor é apoio ao qual sua mãe biologica e seu Pais de origem não lhe deram é abandonaram.
acho totalmente errado falar Florent Amodio é Franco-Brasileiro.
Aqui ele seria mais um jogado a sorte do trafico,crime ou da fome nos sinais....esses sim são brasileiros pense nisso .
(o homem e produto do meio em que vive e cria sua identidade....)

Frederic disse...

Muito legal o que voce escreveu, mas a França esta longe de ser um pais que investe realmente na educaçao, eu moro aqui fazem 10 anos, sou brasileira e a qualidade da educaçao esta decaindo cada vez mais neste pais, assim como a supressao de postos de professores num pais onde a natalidade so cresce.
Aos poucos o Brasil esta dando oportunidade as pessoas, Florent Amodio nega sua nacionalidade francesa, acabo de assistir uma entrevista, pelo seu titulo de campeao europeu de patinaçao 2011 no gelo, e quando o jornalista fala de onde ele nasceu, podemos ver claramente a mudança na sua expressao, enfim, cada um reage como pode, pois nao creio que ser abandonado pela familia seja motivo de alegria... enfim, vim trazer apenas um comentario para dizer que a França esta longe de ser um exemplo em questao educacional.
Parabens pelo blog

Related Posts with Thumbnails