segunda-feira, 16 de setembro de 2019

SEGUNDO CICLO DE DEBATES SOBRE OS CAMPOS DE CONCENTRAÇÃO NO CEARÁ E CALDEIRÃO DE SANTA CRUZ DO DESERTO - DOIS GENOCÍDIOS QUE O ESTADO BRASILEIRO TENTA APAGAR DA HISTÓRIA


Fotos do Campo de Concentração do Buriti - Painel Montado por Valdecy Alves
Fotos: Dr. Foto: Dr. José Bonifácio Paranhos da Costa - Chefe da Comissão Médica Federal


DE SEXTA-FEIRA - DIA 20 DE SETEMBRO DE 2019 A DOMINGO DIA 22/09/2019 - OCORRERÁ NO CRATO - NO SALÃO DA URCA - O II CICLO DE DEBATES SOBRE OS CAMPOS DE CONCENTRAÇÃO NO CEARÁ E O CALDEIRÃO DE SANTA CRUZ DO DESERTO: Só o tema Campos de Concentração nas Secas do Ceará seria suficiente para um debate de dias. Imagine quando você soma tal tema à história genocida de Caldeirão de Santa Cruz do Deserto?  A exemplo de Canudos, comunidade destruída pelo estado brasileiro, que não faz o seu papel de garantir o mínimo existencial e mata experiências populares que dão certo quanto a garantir direitos humanos mínimos, segurança e dignidade. Seca, messianismo, genocídio... traumas históricos que precisam ser digeridos pelo Brasil, se realmente pretende ser o que está no hino nacional: UMA PÁTRIA MÃE GENTIL. Evento que vale a pena. Acompanhe pessoalmente ou pelas redes sociais. @eventocampoecaldeirao



Programação Completa do evento


O CAMPO DE CONCENTRAÇÃO DO BURITI NO CRATO FOI O MAIOR CAMPO DA SECA DE 1932 EM QUANTIDADE DE CONCENTRADOS: Segundo cálculos do médico que veio do Rio de Janeiro para salvar os flagelados da epidemia de tifo e outros males, havia mais de 70.000 concentrados. Dados no relatório do Dr. José Bonifácio Paranhos da Costa. Assim, na seca de 1932, o Município do Crato foi palco de um dos mais terríveis dramas da história das secas no Ceará. Episódio que, como sempre, o Poder Público tenta apagar da história. Eventos assim, mantém a história viva, pois como dizia o grande pensador Kierkegaard: " A história só pode ser compreendida olhando para trás e vivida na direção do futuro." Para não cometer os mesmos erros do passado, necessário conhecer o passado, entender o presente e projetar um futuro digno, mínimo, para todos. 


Campo de Concentração de Quixeramobim - Patu em Senador Pompeu - Cariús - Buriti em Crato
Dois campos em Fortaleza: Otávio Bonfim e Pirambu


TRABALHOS ACADÊMICOS QUE LI E INDICO SOBRE O CAMPO DE CONCENTRAÇÃO DO BURITI: Há vários trabalhos acadêmicos sobre o tema, eis alguns deles que indico porque li os três e vale a pena lê-los.  Todavia há outras publicações. Os autores estarão no evento:

Dissertação de Ronald Albuquerque: 


Cidade, Seca e Campo de Concentração: O início da modernização em Crato, Ceará (1900 – 1933)





Monografia de Marcos Brito:



OS FLAGELOS DA SECA: O CAMPO DE CONCENTRAÇÃO DO BURITI NO CRATO EM 1932





Monografia de Clara Skarlleth 


VIDA ENTRE ARAMES E VIOLAÇÃO DE DIREITOS NA ESCASSEZ DO ESTADO DE EXCEÇÃO: 





Uma abordagem sobre a institucionalização dos Campos de Concentração para flagelados da seca em 1932 no Estado do Ceará - CRATO/CE 2018



O MEMORIALISTA JAMES BRITO - UM DOS MAIORES ATIVISTAS PELO RESGATE DO CAMPO DE CONCENTRAÇÃO DO BURITI - NO  CRATO - SOBRE A IMPORTÂNCIA DO EVENTO QUE SERÁ REALIZADO DE 20 A 22 DE SETEMBRO/2019 NA URCA - FINALIZANDO COM A ROMARIA À CALDEIRÃO DE SANTA CRUZ DO DESERTO - AFIRMOU COM TODA SUA SABEDORIA E MILITÂNCIA:    O fato é que esse debate, sempre ficou em uma escala do passado e tratado com muitas omissões. A HISTÓRIA, O DIREITO, A GEOGRAFIA nos dão assim estudos mais centrados e envolvendo a academia CURSOS DA URCA, DA UVA, entre outros. Como também o ensino fundamental e médio procurando e promovendo esses estudos, cito aqui a escola Paraíba em Crato, que vem desenvolvendo nos seus alunos essa capacidade crítica. Esse evento que vamos ter agora em Crato traz a certeza da importância que é o resgate dessa história CRUEL e com a NEGAÇÃO de DIREITOS como foram tratados as vítimas da terrível SECA. Por que é importante esse debate? A quem interessa e a quem não interessou antes esses fatos?

O certo é que as respostas pra cada uma dessas questões nos dão um sentimento de cobrar dos atuais e próximos gestores que a memória na verdade não pode ser esquecida nem omitida, que aprendemos com os erros, a não repetir em outros momentos os mesmos erros, e assim, haver lógica social, mais respeito, mais responsabilidade, mais estudos e muito mais desenvolvimento.

Por que que é bom pro Ceará esse resgate a essa mancha de violação de direitos? Porque é importante para o BRASIL e para  Mundo inteiro continuar permanente essa discussão para compreensão e aprendizado. Por que ainda há:  SECAS? FOME? PESTE? VIOLÊNCIA? OMISSÃO? DIREITOS NEGADOS?



CONHEÇA UM POUCO SOBRE CALDEIRÃO DE SANTA CRUZ DO DESERTO CLICANDO NA IMAGEM DO VÍDEO ABAIXO:





CONHEÇA UM POUCO SOBRE O CAMPO DE CONCENTRAÇÃO DO BURITI - CARIÚS E PATU -  CLICANDO NA IMAGEM DO VÍDEO ABAIXO:

Nenhum comentário:

Related Posts with Thumbnails