segunda-feira, 11 de abril de 2011

REALENGO - O MASSACRE DEVE SER COMPREENDIDO PARA NOVOS SEREM EVITADOS - NÃO MOTIVAÇÃO PARA VINGANÇA! O BEM E O MAL NÃO EXISTEM!

Urubus - Carniça - Lixo - Mídia - Violência - Monturo


- A imprensa erra ao falar tanto do criminoso, tornando celebridade quem até há pouco era completamente insignificante para sociedade. TUDO ISSO NUMA CULTURA ONDE É E SE SENTE QUEM APARECE, MESMO QUE SEJA UM SER HUMANO DEPLORÁVEL! Atualmente mede-se o ser pelo aparecer! Não era para divulgar nem o nome dele. MUITOS MATARÃO E SE MATARÃO SÓ PARA APARECER!

- Somos uma sociedade doente e bota doente nisso! Todas as autoridades começam a falar de controle de venda de armas. Por que então não fecham as fábricas de armas??? Bobagem! Ele mataria como o chinês, a faca! Fechem as fábricas de facas! Ele mataria com bombas caseiras, a pauladas... A MAIS PERIGOSA ARMA É O PRÓPRIO SER HUMANO!

- A mídia faz do fato um grande espetáculo. PRA QUE FILME DE TERROR SE O TERROR É FEITO AO VIVO?  Tudo para alavancar audiência e vender mais caro os segundos para propaganda de produtos, em sua maioria inúteis. A mesma mídia que não promove quem  pratica boas ações, que produz cultura alienante de massa, que alicerça todo o seu jornalismo na tragédia. Nem os gregos com suas tragédias foram tão sádicos, pois ao menos utilizavam a tragédia no teatro para educar, a mídia atual apenas para ganhar dinheiro!

- Nesse final de semana, a mesma sociedade que pariu o doente mental assassino, pintou a casa dos parentes dele, ameaçando-os de morte! O QUE UMA SOCIEDADE ASSIM PODE PRODUZIR SE NÃO LOUCOS E ASSASSINOS???

- A mídia fez da escola o plano de fundo do seu espetáculo doentio, mas nunca ninguém foi àquela escola perguntar do que ela necessitava, como viviam seus alunos, que salário de fome ganham os professores? Só a desgraça foi o trampolim para instantânea celebridade, capitaneada por um louco. MAS NÃO SE PREOCUPEM, AS CÂMERAS, OS REPÓRTERES, AS LUZES... DAQUI A POUCO SERÃO DESLOCADOS PARA OUTRA TRAGÉDIA. Pois como urubus e abutres se nutrem de carniça, a grande mídia se nutre da tragédia, do crime.  Só isso explica porque um assassino tem mais espaço que uma pessoa que pratica ações úteis a si e à sociedade. A MÍDIA PRECISA DO ASSASSINO PARA TER AUDIÊNCIA COMO O ASSASSINO DA MÍDIA PARA TER OS SEUS 15 MINUTOS DE FAMA.  Pra que atestado maior de fracasso de todos os valores que devem ser modificados imediatamente? SE AO MENOS TODOS APRENDESSEM A NO MÍNIMO RESPEITAR OS DIREITOS HUMANOS BÁSICOS!? Há pacto silencioso entre  mídia e loucos assassinos, que pode assim ser descrito: - Eu matarei e darei um banho de sangue! Em troca  vocês me tornam célebre! Como pagamento dou-lhes audiência e lucro!

- Depois da tragédia os especialistas como profetas de retrovisores, têm explicação completa para o passado.  É como sonho e jogo do bicho. Depois que o bicho é sorteado, todo sonho desaguava naquele bicho. Ridículo! Que ciência é essa que não serve para prever o futuro? Que não seja um deles o próximo assassino, mas que ganhem muitos clientes com as suas entrevistas.

- Sinto em alguns jornalistas um certo orgulho pelo fato ter ocorrido a desgraça, afinal isso é loucura de primeiro mundo!  Temos nosso Massacre de Columbine. Afinal parecemos cada vez mais com os Estados Unidos. A tragédia, mais que o progresso é uma prova da evolução do Brasil. Parecem uns loucos na telinha!

- Por que a Revista Veja não colocou na capa uma das vítimas ? Ou um dos professores condenados à miséria pelo salário numa escola municipal? O professor que salvou vários alunos? O policial que evitou que a tragédia fosse maior? NÃO ! COLOCOU O ASSASSINO! UMA REVISTA DE TERROR! DEVE VENDER MAIS, COM CERTEZA! Se a venda for muita, poderá vender mais ainda com a próxima tragédia, afinal muitos se sentirão motivados a serem capa também!

- Em breve chegará a Semana Santa, onde haverá o feriado em nome de Cristo, MAS É O FINAL DE SEMANA MAIS VIOLENTO DE TODO ANO! Que fiéis são esses? Herodes? Os bons ladrões de Brasília. assim restarão santificados! E quantos que usam armas e dirigem são também psicopatas que sacrificarão novas vítimas no feriadão sagrado, empanturrados de álcool? Enquanto muitos assistem o sacrifício de Jesus?

- Vocês, os extrovertidos, os presunçosos, os metidos... parem de massacrar os mais frágeis na escola ou mesmo no local do trabalho, pois a maioria sofrerá calada, irá ao analista, mas uma minoria pode reagir ao seu massacre psicológico e numa bela manhã de verão praticar uma loucura semelhante à praticada. Será que não é possível respeitar as pessoas, as minorias, esforçar-se para conviver em paz? O ato trágico não se justifica, como não se justifica a discriminação! Vítimas, assassino, mídia, clamor, sentimento de vingança, loucura, revolta, incentivo a novas loucuras...  TUDO PARIDO DO MESMO ÚTERO SOCIAL DE QUE SOMOS FILHO E SOMOS PARTE!  Não tem essa de bem e de mal!

-Acabem com essa história de Bully, parem com esse sadismo, com essa horrenda discriminação! que na escola chamam de fazer hora, no trabalho de assédio moral! Professores vamos educar também contra a discriminação! Terá fracassado qualquer política educacional onde os alunos não aprendam a respeitar o colega  e que discriminar não é ético, nem justo! ENTÃO QUE A TRAGÉDIA SIRVA PARA DISCUTIRMOS A QUALIDADE DA EDUCAÇÃO BRASILEIRA!

- Percebe-se em todo o noticiário uma tentativa de colocar o lado do bem e o lado do mal! mentira! Bem e mal é uma questão de ponto de vista, de momento, conforme a necessidade. NÃO É POSSÍVEL AVANÇAR E APRENDER CONSTRUINDO EXPLICAÇÕES EM CIMA DE MITOS! O grande poeta persa Omar Khayyam já dizia: - O céu e o inferno estão em ti mesmo! Não fora do ser humano! Se esse louco matasse assim numa guerra, seria condecorado!

- É incrível ver que muitos que choram e lamentam, serão os próximos assassinos do trânsito, os próximos que praticarão violência doméstica, os próximos que guerrearão como gangues, os próximos que assaltarão, os próximos que matarão por motivos fúteis, os próximos das páginas policiais... É BOM QUE TODOS REFLITAM: psicopatas matam menos que o trânsito, menos que maridos violentos, menos que gangueiros, menos que latrocidas... Se esquecermos como se matou e quem foi morto e contarmos os mortos, já que o resultado morte é o mesmo, pela quantidade de mortos, CONCLUIR-SE-Á: QUE SOMOS UMA SOCIEDADE ONDE A MORTE É UMA CULTURA MAIOR DO QUE A PRATICADA NO COLISEU DOS ROMANOS!

A sociedade anda muito doente, exige mudanças de valores em todos os sentidos. A TRAGÉDIA DE REALENGO É APENAS MAIS UMA MANIFESTAÇÃO DO SINTOMA DE UMA SOCIEDADE LOUCA, DOENTE, E QUE BABA DIANTE DA VIOLÊNCIA, QUE DÁ AUDIÊNCIA E DE PROGRAMAS DE VIOLÊNCIA QUE ELEGEM ATÉ DEPUTADO! 

Hora de mudar e cada um tem que mudar! Não apenas o outro. E hoje! Seja em casa com os familiares, seja com os colegas de trabalho, seja no trânsito, seja na escola, seja na igreja... É PRECISO AGIR COM UMA CULTURA PELA PAZ PARA TER PAZ! EIS O MELHOR REMÉDIO! HORA DE REFLETIR,  AGIR COM VISTAS À CONSTRUÇÃO DE UM NOVO FUTURO! NÃO DÁ PRA CONTINUAR COMO ESTAMOS! POIS A VIDA EM SOCIEDADE FOI INVENTADA PARA LIVRAR-NOS DO MEDO. Quem não tem medo de encontrar um louco desse num shopping ou receber um telefonema que algo possa ter acontecido com o seu filho na escola??? ESSE FATO SÓ FOI MAIS UMA MANIFESTAÇÃO DE UM CÂNCER QUE CORRÓI A SOCIEDADE!  HORA DA QUIMIOTERAPIA! OU NOS PREPAREMOS PARA NOVOS PESADELOS!

6 comentários:

Miriam de Sales Oliveira disse...

Caro valdecy,vim visitá-lo, mas, n/ encontrei a poesia.Importa-se de me mandar p/ e-mail? Gostei do seu blog e certamente voltarei. Abração

CARLOS AIRES disse...

Caro Valdecy acho que a mídia aproveita esses casos para ganhar IBOPE e por vezes incentivam a violência por tratar o criminoso como se fosse um herói como você citou acima repetem a todo instante e mostram a foto só no intuito de ganhar audiência e nada mais.
Obrigado por ter visitado minha coluna e comentado meu cordel. Carlos Aires

Viná Garcia S. de Moraes disse...

Professor Valdecy, é lamentável a forma como a mídia explora e divulga as informações. Muito oportuno seu texto. O que você acha ser preciso fazer para tentar impedir massacres em escolas?

Zergui disse...

Caro Valdecy
Certamente que as suas convicções foram expostas, a meu entender, de uma maneira das mais lúcidas que acompanhei até agora.
Você aborda com clareza, sem paixão, sem aquela emoção que provoca a massa humana onde e como os autores quiserem.
Veja! Logo no início, na Revista Época, cogitaram a hipótese de que haveria envolvimento do islamismo nesse massacre.
De imediato surgiram comentários de ingênuos ou provocadores, que sugeriram represálias aos seguidores dessa doutrina.
A turba enfurecida não raciocina. É como o estouro de uma boiada. Se alguém gritar, apontando o dedo para qualquer pessoa, que aquela seria a responsável por algum incidente, dificilmente aquele infeliz escapará de um linchamento, mesmo sendo inocente.
Concordo com todas as suas colocações.
Eu, no entanto, permaneço firme em minha convicção de que tudo o que ocorre, não só aqui no Brasil, como em tantas outras nações, é meticulosamente planejado.
Nós não passamos de meras marionetes, manietadas e manipuladas pelos cordéis de mentes insanas, mas poderosas.
Só no dia em que nos libertarmos de tais amarras, se que é que tal dia chegará, é que a humanidade poderá viver de forma mais justa e digna.

Roger disse...

´

blog escolar disse...

Obrigada pela visita ao meu blog! Amei seu texto, concordo com tudo,a frase que mais ouvi nos primeiros dias do massacre, em cada emissora foi: "Cenas inéditas".
Terrível!
Pareciam disputar quem mais mostrou cenas pavorantes. Parabéns pelo texto!

Related Posts with Thumbnails