sexta-feira, 6 de novembro de 2015

CAMINHADA DA SECA COMPLETA 33 ANOS EM 08/11/2015 ... VENHA PARTICIPAR - MAIOR DOCUMENTO DA HISTÓRIA DOS CAMPOS DE CONCENTRAÇÃO DAS SECAS... É PATRIMÔNIO IMATERIAL QUE OCORRE DENTRO DO PATRIMÔNIO MATERIAL DOS CASARÕES... PERTENCE AO POVO... NÃO PERTENCE À IGREJA... A NENHUM PARTIDO... A NENHUMA ONG... E ASSIM DEVE PREVALECER!

Fotos de várias Caminhadas da Seca ao Campo de Concentração do Patu - Senador Pompeu - Ceará
Fotos; Mara Paula - Valdecy Alves
O QUE SIMBOLIZA A CAMINHADA DA SECA: Criada por um padre Italiano Albino Donat em 1983, a Caminhada da Seca realizada todo segundo domingo, de todo mês de novembro, de todo ano, completa 33 anos anos ininterruptos em 2015. Simbolizou uma ação de apropriação pela igreja oficial de fato criado pela religiosidade popular, que naturalmente havia santificado as ALMAS DA BARRAGEM. Espécie de santo coletivo, produto de um surto messiânico, onde as vítimas do genocídio praticado pelo Estado Brasileiro, representado pelo governo Federal, Governo Estadual e Prefeitura de Senador Pompeu na Seca de 32, FORAM SANTIFICADAS PELO POVO HUMILDE, OPRIMIDO E SOFRIDO, INDIFERENTE À IGREJA OFICIAL DO VATICANO. Igreja que na época da Seca em 1932 foi omissa, tanto que os milhares de mortos enterrados no local, sequer receberam acompanhamento espiritual em 1932 ou tiveram suas mortes documentadas em qualquer livro. ENTERRADOS ANONIMAMENTE, PRINCIPALMENTE NO CEMITÉRIO DA BARRAGEM, EM VALAS, ONDE SE ENTERRAVAM DEZENAS DE CORPOS AO MESMO TEMPO, a maioria vitimada pela cólera. A CAMINHADA É UM ATO RELIGIOSO PARA AS PESSOAS AGRADECEREM AS GRAÇAS ALCANÇADAS EM PROMESSAS FEITAS COM AS ALMAS DA BARRAGEM. É UMA FORMA DE MANTER VIVO O FATO DO MARTÍRIO OCORRIDO E DE RESISTÊNCIA POPULAR, ATRAVÉS DA RELIGIÃO POPULAR À OPRESSÃO DO ESTADO BRASILEIRO, QUE ATE´OS DIAS ATUAIS, NÃO CONSEGUE IMPLEMENTAR, NEM GARANTIR A EFETIVAÇÃO DOS DIREITOS FUNDAMENTAIS MÍNIMOS, INERENTES À ESSÊNCIA DE QUALQUER ESTADO OU REPÚBLICA. COMO DIREITOS MÍNIMOS CAPAZES DE GARANTIR A DIGNIDADE HUMANA, AINDA UMA UTOPIA E UM SONHO NOS DIAS ATUAIS...


Mapa completo do roteiro de 3 km da Caminhada da Seca - Na Estrada Velha do Gado
Criação:Valdecy Alves
 A QUEM PERTENCE A CAMINHADA DA SECA: Não pertence à Igreja...Não pertence ao Centro de Defesa dos Direitos Humanos...não pertence a nenhuma associação civil ou a qualquer ONG... não pertence a nenhum partido político... não pertence a nenhum político ou a qualquer liderança carismática... pertence apenas ao povo... e assim deve continuar... Quando Padre Albino Donat criou a Caminhada da Seca, já foi se apropriando de um movimento popular que existia em torno da SANTIDADE E PODER MILAGROSO DAS ALMAS DA BARRAGEM, que segundo a crença popular, obram milagres para quem pede graça. A maioria dos peregrinos da Caminhada vão pagar suas promessas. Não pertence à Igreja porque já foi objeto de apropriação por parte da igreja, exatamente porque o local virou campo santo e local de peregrinação durante o ano inteiro, mesmo fenômeno que ocorre em Juazeiro do Norte e em Caldeirão de Santa Cruz do Deserto, envolvendo Padre Cícero e Beato Lourenço. Não pertence ao Centro de Defesa dos Direitos Humanos Antonio Conselheiro, porque a Caminhada também já existia dezenas de anos antes da criação do Centro de Defesa... cujo objetivo em seu estatuto social não é cuidar de caminhadas... não pertence, também não pode pertencer a nenhuma associação civil. Jamais poderia pertencer a qualquer partido político, porque seria seu fim e um verdadeiro desastre... num país em que os partidos faliram e só priorizam a chegada ao poder e a manutenção no poder quando alcançam o poder... TANTO QUE NÃO SE PERMITE QUE POLÍTICOS USEM A CAMINHADA DA SECA... NUNCA SE PERMITIU... NEM SE DEVE PERMITIR... Nenhuma liderança manda na Caminhada, nem pode mandar... POR ISSO INTELECTUAIS... ATIVISTAS... ACIMA DAS IDEOLOGIAS POLÍTICAS E RELIGIOSAS... NÃO PERMITAMOS QUE SE APROPRIEM DA CAMINHADA DA SECA... PORQUE SERIA O FIM DA CAMINHADA DA SECA... VERDADEIRAMENTE AUTÔNOMOS! E VOCÊS... NÃO TENTEM DESVIRTUAR A CAMINHADA DA SECA...ELA NUNCA TERÁ DONO... NÃO PERMITIREMOS MESMO!  VOCÊS QUE ESTÃO LENDO TAMBÉM ESTE ARTIGO... ESTAMOS DE OLHO... E SE NECESSÁRIO USAREMOS A CONSTITUIÇÃO...

 A CAMINHADA DA SECA É DO POVO...FEITA PELO POVO... MANTENDO VIVA A MEMÓRIA DE UMA GRANDE INJUSTIÇA SOCIAL... DE UM GENOCÍDIO PRATICADO PELO ESTADO BRASILEIRO... UM HOLOCAUSTO... CUJOS POLÍTICOS FAZEM QUESTÃO DE MANTER A MISÉRIA E A NECESSIDADE DO POVO... COM ESMOLAS E PALIATIVOS...  MANTER TODOS ESCRAVIZADOS E SUBMISSOS... SITUAÇÃO QUE PERDURA NOS DIAS ATUAIS COM O BOLSA FAMÍLIA... E COMEÇOU DESDE O IMPÉRIO COM A CONSTRUÇÃO DO AÇUDE DO CEDRO EM QUIXADÁ E CONTINUA ATÉ OS DIAS ATUAIS...  A Caminhada da Seca Representa resistência... um grito de desespero...a voz das vítimas de um holocausto onde brasileiro matou brasileiro... como os alemães mataram judeus na Segunda Grande Guerra... Os alemães usaram câmara de gás... No Brasil criaram os campos de concentração a partir da seca de 1877/1879... o primeiro chamado de Concentração do Alagadiço, em Fortaleza... documentado por Rodolfo Teófilo em seu livro " A FOME". Experiência repetida e aperfeiçoada na Seca de 1915, documentada pela imprensa e no livro "O Quinze"  de Raquel de Queiroz, que descreve o Campo de Concentração do Matadouro, no mesmo alagadiço.... hoje Otávio Bonfim... e finalmente na Seca de 1932 aperfeiçoada... uma máquina para matar...para deportar mão de obra barata... pessoas condenadas sem jamais terem praticado um crime... sísifos... personagens de Kafka ... E SÓ NÃO SE REPETIU NAS SECAS POSTERIORES PELA VERGONHA E REVOLTA CAUSADA AO MUNDO PELOS CAMPOS DE CONCENTRAÇÃO NAZISTAS... Os envolvidos neste holocaustos agiram igualzinho aos nazistas... Getúlio Vargas, Governo do Ceará na época e prefeito de Senador Pompeu... não era assim tão diferentes de Hitler! Diante de uma Igreja Católica, que na época foi omissa! Sequer criariam um Memorial às Vitimas dos Campos de Concentração das Secas no Ceará. Há uma luta para criar um em Fortaleza, no Bairro Otávio Bonfim, onde nas secas de 1915 e 1932, ao lado do matadouro, funcionou um campo de concentração, veja matéria no jornal O Povo, de setembro de 2015:


Cemitério onde foram enterradas as vítimas do genocídio de 32 -Símbolo maior dos horrores
Da política de Campos de Concentração no Império e na República
Foto: Valdecy Alves

Padre Albino Donat - Criador da Caminhada da Seca
Foto: Valdecy Alves
 O CAMPO DE CONCENTRAÇÃO DO PATU EM SENADOR POMPEU -0 CEARÁ - BRASIL: foi criado no fim de abril de 1932, juntamente com outros 05 campos de concentração à beira da ferrovia que ligava Fortaleza ao Crato, linha ferroviária Norte-Sul, no Ceará, para impedir que os flagelados invadissem Fortaleza. 1) Campo de Concentração do Buriti (Crato); 2) Campo de Concentração de Cariús; 3) Campo de Concentração do Patu, em Senador Pompeu; 4) Campo de Concentração de Quixeramobim; 5) Campo de Concentração do Otávio Bonfim, em Fortaleza e 6) Campo de Concentração do Urubu, no bairro do Pirambu, também em Fortaleza. Houve ainda um campo de concentração no Norte do Estado, em Ipu. O Jornal O Povo, do Ceará, em 20 de junho 1932, publicou a reportagem abaixo:





MAS POR QUE O CAMPO DE CONCENTRAÇÃO DO PATU - EM SENADOR POMPEU SE TORNOU O MAIS FAMOSO: 1) Porque foi o único Campo de Concentração que foi montado utilizando estrutura sólida (os casarões da barragem construídos para construção da Barragem do Patu que depois virou algo menor: o atual Açude do Patu - com 1/3 da capacidade de armazenamento de água originalmente projetada). Diferentemente de todos os demais campos de concentração em outras localidades, que eram simples abarracamentos cobertos com sacos ou flandres... galhos e folhas secas... cercados por arame, com guardas, desde a seca de 1877. Acabavam as secas, nada restavam dos antigos campos de concentração. MAS EM SENADOR POMPEU OS CASARÕES PERMANECERAM, COMO TESTEMUNHAS E PALCO DE UM GENOCÍDIO QUE TENTAM APAGAR DA HISTÓRIA.  2) Porque morreram inúmeros flagelados, entre adultos e crianças...só no Cemitério da Barragem do Patu, foram enterrados mais de 1.000 mortos... fora os que foram enterrados antes de terem a ideia de cavar valas que depois se transformaram no Cemitério da Barragem. Assim, a mortandade pela epidemia de cólera, além de sarampo, que matou as crianças... ficou viva na memória... os enterros... mortos devorados por cachorros... gente enterrada que depois foi resgatada antes da vala ser enchida por corpos e coberta... ficou na memória... a fé os santificou... e a memória ficou viva protegida pelo manto da religiosidade popular... O cemitério mais uma testemunha que grita alto e foi transformado em lugar de romarias e pagamentos de promessas... Hoje ponto de chegada da Caminhada da Seca; 3) Devido á  grande fraude praticada pelos políticos cearenses, que mudaram muito pouco desde 1932 juntamente com o Governo Federal, quando disseram, que a construção da Barragem do Patu seria retomada e todo mundo seria empregado e assalariado em 1932... Quando os flagelados chegavam eram identificados, fichados... e detidos... entravam e não saíam mais... PRESOS SEM CRIME... SEM CONDENAÇÃO... CONDENADOS SEM DEFESA...e não tinha trabalho para ninguém... para se ter ideia...com 30 dias de criação do Campo de Concentração do Patu, o número de flagelados presos e concentrados já chegava a quase 20.000:

CAMPO DE CONCENTRAÇÃO DO PATU – HISTÓRICO
DATA
NÚMERO DE FLAGELADOS
25/04/32
  6.000
04/05/32
13.600
20/05/32
18.000
25/05/32
19.686
                                                                                                             Fonte: Jornal O Povo – Pesquisa: Valdecy Alve

Tanto que anualmente, intelectuais e ativistas, realizam no primeiro sábado após o dia do trabalho, todo ano, um Seminário chamado:

SERTÃO- SECA - MEMÓRIA E CIDADANIA - CAMPOS DE CONCENTRAÇÃO NUNCA MAIS. Matéria sobre um dos seminários pode ser lida clicando no link abaixo:




A Barragem do Patu, projetada pelo ingleses em 1919, nunca foi construída. na verdade fizeram um açude, o Açude do Patu, concluído nos anos 80. Atualmente utilizado para nada, já que não gera renda, nem emprego, nem libertou o povo da miséria. Capaz de reter apenas 70 milhões de metros cúbicos de água, quando o projeto da Barragem do Patu era pra 200 milhões de metros cúbicos de água. O POVO DE SENADOR POMPEU, COMO TODO POVO DO SERTÃO CEARENSE, CONTINUA NA MISÉRIA, SUBMISSO, COM EDUCAÇÃO DE BAIXA QUALIDADE, COM MAIS DE 10% DE ANALFABETOS, ESCRAVOS DA NECESSIDADE, DA SECA... E DANDO GRAÇAS A DEUS RECEBER O BOLSA FAMÍLIA QUE PAGAM COM O SEU VOTO... QUE VIRA MERCADORIA NESSE NOVO BALCÃO DA INDÚSTRIA DA SECA EM ANOS ELEITORAIS... NADA MUDOU! NEM OS POLÍTICOS PERMITEM QUE MUDE! NEM PODE HAVER DEMOCRACIA QUANDO OS DIREITOS FUNDAMENTAIS MÍNIMOS NÃO SÃO GARANTIDOS... É A VELHA HISTÓRIA QUE SÓ HÁ LIBERDADE E DEMOCRACIA... QUANDO O SER HUMANO NÃO É ESCRAVIZADO PELO REINO DA NECESSIDADE... MANTIDO PROPOSITALMENTE PELOS POLÍTICOS À FRENTE DO PODRE ESTADO BRASILEIRO... PODRE NO IMPÉRIO... PODRE NA REPÚBLICA...CONTINUA PODRE COM A NOVA CONSTITUIÇÃO... MAIS PODRE AINDA NOS GOVERNOS ELEITOS DESDE COLLOR...  FERNANDO HENRIQUE... GOVERNO ATUAL...PODRE COMO CRIATURA DE TODOS OS PARTIDOS... INCLUSIVE PODRE PELOS FALSOS SOCIALISTAS QUE CHEGARAM AO PODER E DEPOIS DE ALIARAM COM A VELHA DIREITA... TUDO EM NOME DE SE MANTER NO PODER... E O POVO... BEM...AGORA QUE SEJAM ASSADOS NAS FILAS SOB O SOL EM CADA MUNICÍPIO... AOS MILHARES... TODO MÊS PARA RECEBER A ESMOLA DO BOLSA FAMÍLIA... QUASE TODO DIA... MENDIGANDO NAS RUAS DAS CIDADES E AOS PRÉDIOS DAS PREFEITURAS E CÂMARAS MUNICIPAIS... ATRÁS DA VELHA ESMOLA... PRESENTE NA REALIDADE SOCIAL... DESDE A SECA DE A 1877 A 1879...

VIVA A CAMINHADA SECA - DO POVO - UM GRITO DE PROTESTO - MEMÓRIA VIVA DAS POLITICAS PÚBLICAS DO ESTADO BRASILEIRO - QUE POUCO MUDOU DESDE O BRASIL COLONIAL - DESDE O BRASIL IMPERIAL - AO LONGO DESSE BRASIL REPUBLICANO - E PRECISA CONTINUAR DO POVO - PARA O POVO - COM O POVO E FEITA PELO POVO - POIS HAVERÁ DE OBRIGAR A UMA REFLEXÃO SOBRE AS POLÍTICAS PÚBLICAS DO ESTADO BRASILEIRO - QUE CONTINUA NEGANDO OS DIREITOS MÍNIMOS FUNDAMENTAIS - QUE SÃO DIREITO HUMANOS TAMBÉM UNIVERSAIS INERENTE À DIGNIDADE HUMANA. POR ISSO VIVA A CAMINHADA DA SECA - VOZ DE TODOS OS FLAGELADOS DOS CAMPOS DE CONCENTRAÇÃO DAS SECAS DO NORDESTE BRASILEIRO - EIS PORQUE TANTO COMO PATRIMÔNIO MATERIAL (Casarões e Cemitério da Barragem) - COMO O IMATERIAL (Caminhada da Seca) interessam e são patrimônio do povo brasileiro, da América Latina e da Humanidade. A exemplo de Auschwitz na Polônia. Assim, Judeus e flagelados nordestinos irmanados pelo holocausto. Políticos nordestinos, desde Dom Pedro II, todos os presidentes republicanos, parlamentares republicanos, governantes e prefeitos republicanos, irmanados pela atitude desumana, nazista, discriminatória, assassina... filhos e seguidores da política de Hitler!


ABAIXO VÁRIOS VÍDEOS SOBRE A CAMINHADA DA SECA - PARA ASSISTIR É SÓ CLICAR NA IMAGEM:




















Um comentário:

Anônimo disse...

Valdecy, muito bacana o seu trabalho. O povo brasileiro precisa conhecer melhor a sua história. Gostaria muito de poder conversar com o senhor, tenho muito interesse nesse tema.
marcelo melo
marcelo@cmarte.com.br/ marcelo@cmarte.com.br

Related Posts with Thumbnails