sábado, 17 de agosto de 2013

CINE HOLLIÚDY - RECOMENDO COM LOUVOR ! VI COMO APRECIADOR DO CINEMA - COMO FILHO DE SENADOR POMPEU E FREQUENTADOR DO MESMO CINEMA QUE TANTO INSPIROU O CINEASTA - FIRMA-SE COMO UM DOS GRANDES CINEASTAS CEARENSES - SEU FILME É A MAIOR HOMENAGEM AO HUMORISMO DO CEARÁ - TEM UM QUÊ DE CHARLES CHAPLIN - RESVALOU NO MUNDO HUMANISTA DE FELLINI – RIMA COM CINEMA PARADISO... AINDA MOSTROU QUE AMA SUAS RAÍZES E É UM BOM FILHO!


Na tarde de sábado (17/08/2013) vi o filme do Hálder Gomes, CINE HOLLIÚDY. FILAS ENORMES. CINEMA LOTADO! Assisti sob a ótica de quem gosta de cinema, de quem gosta de humor e como filho de Senador Pompeu, que também frequentou o mesmo cinema que tanto inspirou Cine Holliúdy ( https://www.facebook.com/CineHolliudy/info ). Lembro-me, quando recuo à minha adolescência que num primeiro momento o cinema de Senador Pompeu, que no filme é o CINE HOLLIÚDE, funcionou no Salão Paroquial, atrás da igreja, mudando depois definitivamente, até ser desativado, para o prédio do Círculo Operário, sob o comando do Jesuíta, que também é poeta. O Círculo Operário ficava em frente à linha férrea, na rua Franco Magalhães, na quadra que fica entre a Igreja matriz e o beco do Banco do Brasil, antigo Beco da Bomba, do lado esquerdo de quem vai no sentido da Estação Ferroviária para o Pavãozinho.

Três tipos de filme enchiam o cinema: TARZAN, onde pela primeira vez vi o grande e maior de todos os atores que interpretavam Tarzan: Johnny Wissmullerr com a bela Jane; WESTERN, que chamávamos popularmente de FAROESTE, com os duelos no final e músicas maravilhosas. Mas nenhum tipo de filme marcou mais a minha geração que filmes de luta, de telequetes, a maioria deles chineses, fazendo de Bruce Lee o maior herói cinematográfico de minha geração. TERMINADO CADA FILME DE LUTA, SAINDO DO CINEMA, TODO MUNDO BRINCAVA DE LUTA NO MEIO DA RUA. Lembro-me de alguns frequentadores assíduos( Meu irmão Antonio Alves, Valdeclides, os filhos do Sigismundo...). Na rua, o pipoqueiro, o vendedor de bombom... naquela bagunça, havia vezes que passava um trem... MAS NEM O PRÉDIO DO CINEMA EXISTE MAIS, destruíram, como também o trem, que não passará mais por lá. Primeiro desativaram os trens de passageiros, que percorria o trajeto Fortaleza a Juazeiro, agora vão desativar o trem cargueiro. A cidade de Senador Pompeu continua há anos o seu triste destino:  A CIDADE DO JÁ TEVE, QUE CADA VEZ MAIS PIORA! EM TODOS OS CAMPOS!


O filme do Halder Gomes é belíssimo, além de originalíssimo, falado em idioma cearês. Nascido da memória, em que se forjou grande parte das estruturas de sua identidade cultural do interior do Ceará, que é possível compreender bem, pois bem conheço Senador Pompeu. Inclusive, o cinema, a dança das lutas, as músicas da época, o carro... bem lembram a segunda metade da década de 70, em que a frase que imperava no Brasil era: BRASIL - AME-O OU DEIXE-O! Tempo em que criticar, ler, reunir-se, expressar... era coisa de comunista! Palavrinha com que muitas vezes fui conceituado com outros poetas, socialistas e movimentos populares ligados á teologia da libertação. quanto aos comunistas de hoje, no Poder Executivo e Parlamentares, em sua maioria, mantém apenas o " nista" de oportunista!

A trajetória do Halder Gomes é invejável, dos confins do sertão de Senador Pompeu para os Estados Unidos, depois para brilhar como cineasta cearense no Ceará e no Brasil. Optando pela arte, em vez da política, vez que bem poderia ser o herdeiro político do seu pai, José Rolim Gomes, que por várias vezes foi prefeito de Senador Pompeu (CE),mesmo quando não era prefeito fazia parte do grupo político dominante. No filme é até interessante a pelada de futebol no campinho, a questão do dono da bola, o bêbado, o gay afetado, cujos cabelos lembram o de um gay famoso em Senador Pompeu chamado "Besouro", afeminado, mas bom de briga, que acabou assassinado ... o nome dado ao governador da época, que era Adauto Bezerra, e tem o nome alterado para Atualpa Bezerra. Lembro-me que Atualpa foi um antigo prefeito de Solonópole.   Acertadamente, Halder Gomes preferiu trilhar no mundo da arte, que permite sonhar, compreender-se, fazer compreender, ousar, criar, transformar, debater, revelar, libertar... Então voltemos ao mundo tecido por linhas de sonhos, com as cores da fantasia e o sabor do humanismo temperado pelo humor!

O filme é uma grande homenagem à cultura cearense. Lembrando que o Ceará  foi um dos Estados que já tentou ser um país independente, juntamente com Pernambuco e Paraíba, quando houve a Confederação do Equador, tendo Tristão Gonçalves, como um dos líderes dos revolucionários cearenses. O CEARÁ TEM SEU PRÓPRIO IDIOMA. Por que não a legenda num filme??? 

Creio também que o filme é a maior homenagem ao humorismo cearense, que goza de fama nacional. O personagem principal Francisglaydson é revestido de muito humanismo, que lembra o mundo de Charles Chaplin, o humanismo de Fellini, o clássico Cine Paradiso, de Tornatore. Algumas cenas lembram a bela comédia italiana A Vida é Bela. Por fim, ainda se mostra um bom filho, grato a quem entende ter sido fundamental na sua vida. como também mostra seu forte elo com a pobre, largada, decadente e vitimada Senador Pompeu, que a passos mais largos, cada vez mais caminha para o fundo do poço...

UMA SUGESTÃO: Halder, exiba o filme em praça pública em Senador Pompeu, Ceará. Seria muito interessante e um encontro mais profundo ainda com as suas raízes!

PARABÉNS, HALDER GOMES, POR SEU BELO FILME E POR CONSOLIDAR-SE COMO UM DOS GRANDES CINEASTAS DO CEARÁ E DO BRASIL, produzindo seus trabalhos sem humilhar-se aos editais, sem submeter-se a controle ideológico e ganhando público, que será fundamental para sua liberdade de expressão. Torço  por você, para cada vez mais realizar o cinema como sonha, com total autonomia e independência. QUE O PÚBLICO VÁ VER O FILME, QUE O BRASIL VEJA O FILME, QUE PAÍSES DE LÍNGUA PORTUGUESA VEJAM O FILME.... E QUE VOCÊ REALMENTE SE CONSOLIDE CADA VEZ MAIS COMO UM DOS GRANDE CINEASTAS BRASILEIROS, com trabalho de qualidade, revelador e originalíssimo, sendo universal, com o tempero da cultura cearense, nordestina, brasileira!  RECOMENDO A TODOS: VEJAM CINE HOLLIÚDY! PARABÉNS HALDER GOMES! Abaixo trailer oficial:



Um comentário:

Anônimo disse...

excelente sinopse

Related Posts with Thumbnails