terça-feira, 17 de junho de 2014

SERVIDORES DE ITAREMA MARCAM DIA DE PARALISAÇÃO PARA 22/07/2014 - COM PANFLETAGEM PELAS PRINCIPAIS RUAS E ASSEMBLEIA FINAL NA FRENTE DA PREFEITURA - O MUNICÍPIO TEM ATÉ LÁ PARA IMPLEMENTAR DIREITOS REIVINDICADOS - EM SEGUIDA FORMARAM GRUPO DE ESTUDO DE PROFESSORES PARA CONCLUIR PROPOSTA DE PLANO DE CARREIRA

Painel da assembleia realizada na manha de 17/06/2014
Fotos: Mara Paulo - Valdecy Alves
MARCADO DIA MUNICIPAL DE PARALISAÇÃO - PARA 22/07/2014: Os servidores públicos Municipais de Itarema - através do seu Sindicato - Sindita Itarema - cansados de serem enganados pela prefeitura, que não apresenta nenhuma proposta concreta quanto os itens da Campanha Salarial 2014, resolveram radicalizar mais ainda a luta: marcaram para o dia 22/07/2014, uma terça-feira, dia municipal de paralisação, com caminhada pelas principais ruas da cidade, panfletagem denunciando a violação de direitos. O evento será encerrado com realização de assembleia em frente à Prefeitura Municipal de Itarema. ATÉ 22/07/2014 - PERÍODO QUE O MUNICÍPIO TEM PARA PENSAR MELHOR E RESPEITAR OS DIREITOS SOCIAIS DA CATEGORIA, principalmente, o direito à insalubridade, adicional noturno, obedecer à sentença que mandou pagar salário mínimo, plano de carreira para todos, segundo reajuste do professor conforme segundo reajuste do valor aluno, reajuste para servidores de nível médio e nível superior sem reajuste nos últimos anos. A categoria recebeu o apoio do Sindicato dos Trabalhadores Rurais de Itarema. TEM INÍCIO UM PROCESSO DE RADICALIZAÇÃO DA LUTA, NÃO SE DESCARTANDO A GREVE, MAS HÁ PRAZO PARA SOLUÇÃO AMIGÁVEL DAS PENDÊNCIAS, que estão na pauta Salarial de 2014, nas mãos do prefeito e do Procurador Geral do Município, que vivem estudando... estudando... estudando e estudando para apresentaram uma contraproposta... mas não passam da fase do estudando...

ELEITO GRUPO DE PROFESSORES PARA FECHAR PROPOSTA DE REFORMA DE PLANO DE CARREIRA - ALTERNATIVO AO DA APEOC QUE NEGA VÁRIOS DIREITOS: Após à assembleia houve debate com o grupo de estudo de professores, que darão início às emendas para fechar uma proposta de reforma de plano de carreira. DIZENDO NÃO AO plano elaborada pela APEOC com a Prefeitura, sem ouvir a categoria, em que não há previsão: DE RESPEITO AO DIREITO ADQUIRIDO; VIOLA O PISO LEGAL; NÃO PREVÊ A CRIAÇÃO DA COMISSÃO DE GESTÃO E CARREIRA; NÃO PREVÊ INCORPORAÇÃO DAS 100 HORAS DE ADITIVO, NEM O DISCIPLINADO DE 1/3 EXTRACLASSE... entre as principais falhas.

CONCLUSÃO: A categoria está RADICALIZANDO pela falta de respeito; pela falta de transparência;pela falta de consideração; pela violação que virou regra. Pelo fato do Município andar ameaçando a liberdade sindical, por desvalorizar o servidor... É AGORA OU NUNCA! Todos à paralisação em 22/07/2014 e foi eleita a Comissão de Mobilização, que poderá ser no futuro o COMANDO DE GREVE! QUE O MUNICÍPIO SEJA PRUDENTE E CUMPRA O SEU DEVER - CESSANDO ÀS VIOLAÇÕES A DIREITOS - RESPEITANDO O SERVIDOR E A CONSTITUIÇÃO DO BRASIL! QUE ESTÁ SENDO RASGADA PELA ATUAL GESTÃO.

Nenhum comentário:

Related Posts with Thumbnails