sexta-feira, 14 de fevereiro de 2014

ESTAÇÕES FERROVIÁRIAS DO CEARÁ ALGUMAS EM PENÚRIA OUTRAS SÃO EXEMPLOS DE CONSERVAÇÃO - FOTOS E VÍDEOS - É O PATRIMÔNIO MATERIAL DO CEARÁ E DO BRASIL QUE PRECISA SER PRESERVADO! EU ESTIVE LÁ! DOCUMENTEI! TESTEMUNHEI! VAMOS PRESERVAR!


Estação Ferroviária de Ipu - funciona uma bilbioteca
Foto: Mara Paula
Viajando a trabalho, pois assessoro vários sindicatos de servidores públicos municipais do Ceará, cruzo o Estado em todas as direções. RESOLVI FOTOGRAFAR COMO ESTÃO AS ESTAÇÕES FERROVIÁRIAS, vez que a história do Ceará passa pela linha de ferro. NESTA MATÉRIA CONSTAM 16 ESTAÇÕES, FOTOGRAFADAS ENTRE DEZEMBRO DE 2013 E FEVEREIRO DE 2014. A história da malha ferroviária no Ceará, começou em 1873, com a Estrada de Ferro de Baturité. Em seguida começou a ser construída a Estrada de Ferro de Sobral. Depois as ferrovias foram unificadas com o nome de Rede de Viação Cearense (RVC), depois Rede Ferroviária Federal e Sociedade anônima (RFFSA) e atualmente, privatizada com o nome de Transnordestina.  As siglas RVC e RFFSA ainda podem ser lidas em algumas estações fotografadas.

Estação Ferroviária de Acopiara - Em estado de penúria
Foto: Valdecy Alves
 O ciclo do algodão foi uma das principais causas do desenvolvimento da malha ferroviária no Estado do Ceará. Após a privatização, com o fim de transporte de passageiros, QUE NUNCA DEVERIA TER-SE ACABADO E DEVERIA VOLTAR,  as estações ferroviárias foram abandonadas. ALGUMAS EM ESTADO DE RUÍNAS, como Acopiara e Nova Russas, outras em estado mediano de conservação, há estações bem conservadas das 16 que fotografei. AS QUE ESTÃO CONSERVADAS DEVEM-SE AO FATO DE ESTAREM OCUPADAS. Tudo indica que só a Estação do Crato está tombada. MUITAS OCUPADAS POR ENTIDADES PÚBLICAS E OUTRAS TANTAS PELA SOCIEDADE CIVIL ORGANIZADA, sobretudo associações, ONG´s e ponto de cultura, caso de Senador Pompeu, Ceará.  A presença da sociedade na preservação das estações mostra-se fundamental. TODAVIA, BASTARIA QUE O PODER PÚBLICO MUNICIPAL OCUPASSE AS ESTAÇÕES COM SUAS SECRETARIAS DE EDUCAÇÃO, ESCOLA, BIBLIOTECA, CENTRO CULTURAL... para que tudo fosse preservado e o Poder Público não precisasse construir prédios. FALTAM INICIATIVA DAS ADMINISTRAÇÕES, percebe-de que em grande parte por ignorância, noutros casos por falta de compromisso e às vezes por incompetência mesmo. DAS MATÉRIAS QUE PUBLIQUEI NO FACEBOOK SOBRE ESTAÇÕES, as mais polêmicas e comentadas disseram respeito a Nova Russas, Tururu e Acopiara. Em Nova Russas a sociedade local mobilizou-se imediatamente, causando um pronunciamento do prefeito, que se espera não seja apenas para desmobilizar, enganar e nada fazer.

Estação Ferroviária de  Iguatu - Em bom estado de Conservação
Foto:Valdecy Alves
 Todavia, chama atenção falta de política pública integrada dos municípios, estado do Ceará e União na preservação das estações. O DESCASO DA TRANSNORDESTINA, que só pensa em lucro, beira o crime. Se por um lado, as estações estão largadas ao acaso, os armazéns da rede ferroviária, que sempre existiram alinhados com as estações ou ao lado, bem como as casas de mestres de linha, funcionários e engenheiros... não tiveram melhor sorte. Muitos destruídos, a maioria em ruínas e vários completamente descaracterizados. NECESSÁRIO APURAR SE NA PRIVATIZAÇÃO DA MALHA FERROVIÁRIA OS PRÉDIOS DAS ESTAÇÕES E DEMAIS IMÓVEIS TAMBÉM FORAM PRIVATIZADOS. Com a palavra o Ministério Público Estadual e Federal, que podem ser acionados por qualquer cidadão ou cidadã brasileira.
Estação Ferroviária de Cedro - Em  bom estado -ocupada pela Conselho Tutelar
Foto:Valdecy Alves
 Está escrito na Constituição Federal:

Art. 216. Constituem patrimônio cultural brasileiro os bens de natureza material e imaterial, tomados individualmente ou em conjunto, portadores de referência à identidade, à ação, à memória dos diferentes grupos formadores da sociedade brasileira, nos quais se incluem:

V - os conjuntos urbanos e sítios de valor histórico, paisagístico, artístico, arqueológico, paleontológico, ecológico e científico.

§ 1º - O Poder Público, com a colaboração da comunidade, promoverá e protegerá o patrimônio cultural brasileiro, por meio de inventários, registros, vigilância, tombamento e desapropriação, e de outras formas de acautelamento e preservação.

PROMOVER!  PROTEGER! ...  Sem dúvida que as estações ferroviárias compõem importante sítios de valor histórico, que devem ser preservados pelo Poder Público Federal, Estadual e Municipal. Com total apoio da sociedade. DEVENDO OS PRÉDIOS SEREM OCUPADOS, APÓS RECUPERADOS, como bem já demonstram os bons exemplos. Além da Constituição Federal, há previsão do dever de conservar a memória e o patrimônio material em leis federais,  constituições estaduais, leis orgânicas municipais e demais normas estaduais e municipais. FALTA MAIS AÇÃO. SOBRETUDO DO PODER PÚBLICO.
Estação Ferroviária de Lavras da Mangabeira - Em  bom estado -ocupada por escola municipal
Foto:Valdecy Alves
ABAIXO MAIS FOTOS DE ESTAÇÕES FERROVIÁRIAS DO CEARÁ. SE COPIAR CITAR A FONTE. Se você mora numa cidade que tem estação ferroviária aja para proteção de tão importante patrimônio.  Veja  as fotos, maravilhe-se e em breve publicarei mais:

Estação Ferroviária de Acarape - Sede da Prefeitura
Foto:Valdecy Alves

Estação Ferroviária de Itapipoca - Em razoável estado
Foto:Valdecy Alves

Estação Ferroviária de Reriutaba - Em estado mediano de conservação
Foto:Valdecy Alves


Estação Ferroviária de Ipueiras - Bem conservada
Foto: Valdecy Alves

Estação Ferroviária de Nova Russas - Em ruínas
Foto: Valdecy Alves

Estação Ferroviária de Quixeramobim - Em bom estado de conservação
Foto: Valdecy Alves

Estação Ferroviária de Uruquê - Em ruínas e descaracterizada
Foto: Valdecy Alves

Estação Ferroviária de Quixadá - Em estado regular - Precisa de reparos e mais atenção
Foto: Valdecy Alves


Estação Ferroviária do Crato - Bela e em bom estado de preservação
Foto: Valdecy Alves

Estação Ferroviária de Senador Pompeu - Preservada pela sociedade organizada há anos
Foto: Valdecy Alves

Estação Ferroviária de Tururu - Só os cacos - Preservação já!
Foto: Valdecy Alves

3 comentários:

Ângela Lopes . disse...

Excelente trabalho. Falta mobilização da sociedade civil para pressionar os gestores dos municípios para que assumam o patrimônio material das ferrovias do Ceará.

Micajah Santos disse...

Parabéns pelo trabalho. Excelente!!!

kanashimi p disse...

Dá uma tristeza só de olhar ;-; eram tão bonitas antigamente

Related Posts with Thumbnails